Título gelado

16:22 Net Esportes 13 Comments

A Temporada 2007 da Fórmula 1 chegou ao seu final hoje com o GP Brasil em Interlagos e foi marcada como uma das mais equilibradas dos últimos tempos, 3 pilotos chegaram com chances de título na última corrida, fato que não ocorria desde 1986 quando Prost venceu, na ocasião ele era o que menos tinha chances e a história acabou se repetindo, o gelado finlandês Kimi Räikkönen foi o grande azarão e faturou o campeonato contando com a ajuda da equipe e uma sorte que sempre lhe faltou em anos anteriores.

Räikkönen precisa não só vencer a prova mas também torcer para Hamilton não chegar em quinto e Alonso não chegar em segundo, por incrível que possa parecer isso acabou acontecendo, apesar de que o finlandês contou com uma ajuda do brasileiro Felipe Massa que liderava a prova e se viu obrigado a chegar em segundo, fazendo com que a posição de Alonso, que foi o terceiro, fosse algo bem normal já que seu carro mostrou um desempenho muito abaixo das Ferraris, o que não se esperava era o azar e erros de Lewis Hamilton.

O britânico era favorito ao título mesmo depois da bobagem que fez na China, porém ele não manteve a calma mais uma vez e errou novamente na primeira volta, depois viu seu carro falhar e caiu para o 18º lugar, sendo obrigado a fazer uma corrida de recuperação que lhe rendeu apenas a 7ª posição, insuficiente para assegurar o campeonato que esteve tão perto do piloto estreante na categoria, mas mesmo com os resultados ruins das duas últimas provas, ele fez um temporada brilhante e continua sendo uma grande promessa.

A Ferrari que ganhou o título de construtores após uma punição imposta à grande rival do ano, McLaren, acusada de espionagem, pôde enfim comemorar com muita alegria o título do seu piloto por méritos próprios, o piloto finlandês que mesmo comemorando bastante não esboça muita emoção viu na sua nova equipe algo que não estava acostumado na anterior, a sorte, terminando com 110 pontos contra 109 de Hamilton e 109 de Alonso, uma disputa muito equilibrada como há muito tempo não se via na Fórmula 1.

O inesperado título de Räikkönen pode também ser considerado como um grande castigo para a McLaren que tinha os seus dois pilotos com mais chances de vencer do que o oponente da outra equipe, porém se declaravam amplamente a favor de Hamilton e contra Alonso, mas o azar de ver o seu pupilo com problemas no câmbio e ainda errar na estratégia de recuperação do piloto mostraram que o ano não poderia mesmo ser deles, ao espanhol que ficou bem próximo do seu terceiro título mundial restou o consolo de saber que se não foi ele o vencedor pelo menos não foi o seu maior rival do ano. A corrida no Brasil marcou ainda o ano terrível da Honda, Rubens Barrichello abandonou com problemas no motor e pela 1ª vez em 14 anos terminou uma temporada sem marcar nenhum ponto. (Fotos: Victor R. Caivano/AP e Gero Breloer/EFE)

Frases

"Agradeço ao time não só por hoje, mas por tudo que fez na temporada. Passamos por muitos momentos difíceis. Tenho que agradecer também ao Felipe, porque ajudou sempre" - Kimi Räikkönen

"Foi uma corrida muito difícil porque o campeonato estava em jogo. Com Hamilton atrás, a luta ficou com Kimi. Mas o campeonato não foi perdido aqui, poderíamos ter buscado esse ponto em outras corridas" - Fernando Alonso

"É bom ver que a escuderia confiou em mim. Foi ótimo ver o time se sagrar campeão, depois de todos os problemas da temporada" - Felipe Massa

- FÓRMULA 1

13 comentários:

Náo entendo pq os jornais do Brazil chamam Kimi Räikkönen de homem de gelo.....?
Sua Victória foi merecida.

Langes Leben für den Champion Kimi Räikkönen


[]s L.Sakssida

Som disse...

A vitória do Kimi foi merecida, teve sorte e competência.

abraço!
http://somdosom.blogspot.com/

wArDuNkS disse...

foi a primeira vez que vi Raikkonen sorrir... ele mereceu o título...dei muita risada quando vi o Hamilton lento..kkkk





http://detchudoumpoko.blogspot.com/

wArDuNkS disse...

Raikkonen mereceu o título... estava torcendo para ele... hoje ele vai beber até cair..rsrs

Dei muita risada quando vi o Hamilton lento...kkk


abraços.

http://detchudoumpoko.blogspot.com/

Raoni Frizzo disse...

O título foi muito merecido. Mesmo eu sendo fã da McLaren (por causa dos tempos do Senna), não conseguia achar justo o título parar nas mãos de uma equipe que jogou antidesportivamente.

Justiça foi feita! Venceu o melhor piloto da temporada: Kimi Raikkonen que, de azarado derrotado, passou a ser azarão campeão. Parabéns Kimi!

Destaco também a ótima corrida do Rosberg, que levou a Williams ao 4º posto. É bom ver a Williams andando enre os primeiros novamente.

Raoni
www.blogonews.blogspot.com

Wagner Fernandes disse...

Meu questionamento não é nem pelo título em si. O que aconteceu dá vazão a uma discussão ética: O que a consciência de um piloto diz a ele quando ele vai dormir à noite sabendo que só foi campeão porque o colega deu passagem na última corrida?


ps: Desculpe por demorar a a comentar, tá? Minha navegação teve que ser interrompida.

Raissa Póvoa disse...

foi um castigo merecido aos pilotos da mc laren e a propria escuderia, que não foram punidas como deveriam no caso da espionagem !!

belo e surpreendente titulo
ah e como você mesmo fala
gelado

Felipe Rangel disse...

No final das contas, a justiça dos céus prevaleceu.

Apesar de saber, também, que a McLaren não é a única a espionar.

Nesse meio, não tem santo.

PS: eu tava torcendo pelo Hamilton.

Felipe Maciel disse...

Mais do que um título do Raikkonen, foi um título da Ferrari, que não se envolveu em intrigas e trabalhou como uma equipe. A McLaren ficou devendo e muito nesse quesito, e embora tivessem o melhor carro do ano, não levaram nem um trofeuzinho sequer.

Henrike disse...

pooo foi bom ele ter ganho, um era esperiente d+ e o outro arrogante d+.

carlão disse...

Mais surpreendente, impossível.

Foi bom para os, assim como eu, que achavam que a F-1 estava sem graça.

Net Esportes,

De fato, como você havia dito lá no Blog, o Massa facilitou, sim, a ultrapassagem do Raikkonen. Assistindo à corrida das arquibancadas, tive a nítida impressão de que o finlandês havia tomado a liderança por mérito próprio. Vendo a reprise pela TV, porém, fica claro que Massa tirou o pé. Obrigado pela sua crítica, ela é muito importante para mim!

Grande abraço!

Gustavo Coelho

Tavareli disse...

Verdade, o massa facilitou óbvio, se não o título ficaria com a MClarem para alonso. Agora que o hamilton bobeou demais nas últimas 2 corridas, mas pelo que ele fez durante o campeonato e até pela idade, ele até que merecia ganhar. Mas nem tudo é como queremos, viva o ICEMAN hehe.O cara mais sério do mundo huahauhau.

Humor & Entretenimento

www.diegotavareli.blogspot.com