Sob protestos

11:00 Net Esportes 9 Comments

Um dos momentos mais importantes que antecedem a realização dos Jogos Olímpicos, a cerimônia de acendimento da tocha olímpica, ocorrida na manhã de hoje em Olímpia, na Grécia, berço natal dos Jogos há 2800 anos, acabou marcada por um protesto feito por 3 manifestantes que defendem os direitos humanos na China.

Enquanto 22 mulheres vestidas em túnicas brancas como sacerdotisas entraram nas ruínas do templo de Hera ao compasso dos tambores, uma delas, a atriz Maria Nafpliotou, acendeu a tocha usando os raios solares e um espelho côncavo. Tudo caminhava muito bem até que durante o discurso do presidente do Comitê Organizador dos Jogos de Pequim, Lui Qi, três homens furaram o bloqueio e invadiram o local tentando tomar o microfone, a transmissão pela TV ao vivo cortou as imagens.

Seguranças dominaram Robert Ménard e mais dois homens, pertencentes ao grupo "Repórterers sem Fronteiras", eles carregavam bandeiras negras com algemas no lugar dos anéis olímpicos - "Se o fogo olímpico é sagrado, os direitos humanos são ainda mais" disseram representates do grupo que lutam também pelo fim de repressão no Tibete e mais liberdade para a imprensa, impedida de entrar nas regiões do conflito.

Alheio aos protestos, o grego Alexandros Nikolaidis, medalha de prata no taekwondo nos Jogos de Atenas 2004, foi o primeiro atleta a carregar a chama. A tocha irá passar em uma excursão mundial por 135 cidades em todo o mundo, incluindo Londres, Buenos Aires, Paris, Kuala Lumpur e muitas outras, o revezamento percorrerá 137 mil quilômetros em 130 dias e chegará ao Estádio Nacional de Pequim, em 8 de agosto, para o início da cerimônia de abertura dos Jogos. (Fotos: Michael Steele/Getty Images)

- PEQUIM 2008

9 comentários:

Debora Ferreira disse...

Tanta oportunidade pra protestar, vão inventar de fazer isso no meio de uma cerimõnia olímpica ? 'Mãe, tô na Globo!', só se for viu !

CAYO disse...

Legal... cobertura de esportes melhor que a globo !

Cayo Nauan disse...

massa msm...
Sou + Boxe e vou olhar o que de interessante tem em golfe.

Gênese disse...

hauhuahua...certo eles qual serio o melhor momento para protestar sobre algo que se relaciona diretamente com as olimpiadas...boicote aos chineses represores malditos!

^^"

ahuauhhua...mas ainda acho q essa olimpiadas promete ser fantastica!

bye

http://causagendi.blogspot.com/

blog disse...

Tenho acompanhado o desenrolar da coisa por vários veícuos de comunicação. Nenhum deles dá o devido crédito à questão.
O esporte - e a grana que ele gera - tem maior alcance, infelizmente.
De modo que os protestos não ganharão representatividade. Mas que a coisa é muito séria, é.

MatheusS disse...

Os protestos não devem parar. De certo a China fará dos Jogos um belíssimo espetáculo, mas não é merecedora de ser a sede de um evento dessa improtância.
A violência em que são tratadas as mulheres e as crianças é absurda. O COI diz que as Olimpíadas vão melhorar a China, pode ser, mas isso não vai curar o mal. Então, intensivo neles!!!

Arthur Virgílio disse...

Essas olimpiadas prometem ser polêmicas.

Filipe Araújo disse...

temo pela segurança nestas olimpíadas.

Confira o Centenário do Galo no Gambetas:

http://gambetas.blogspot.com

Abrazo!!

Daniel Leite disse...

Eu também temo pela segurança. Bem como pelas repercussões do problema no Tibet. Mas, como já disse outra vez aqui, vai predominar o interesse econômico, e tudo vai acabar em pizza e em medalhas.

Até mais!

http://pordentrodomundodabola.blogspot.com