Êxito e decepção

21:53 Net Esportes 8 Comments

Em uma largada fantástica, Felipe Massa pulou de terceiro para primeiro logo na primeira curva do GP da Hungria de Fórmula 1, porém o grande êxito do brasileiro no início da prova virou um pesadêlo no final, problemas no motor impediram a vitória certa quando restavam apenas duas voltas para a corrida acabar, melhor para Heikki Kovalainen, que ganhou um grande presente.

O finlandês que aceitou ser o segundo piloto da McLaren, finalmente foi recompensado neste domingo, a vitória caiu no colo não só com a ajuda de Massa, mas também por uma grande contribuição de seu companheiro Lewis Hamilton que era o segundo colocado até mais da metade da corrida, mas um pneu furado lhe prejudicou e ele terminou apenas em quinto.

E Kovalainen não foi o único que comemorou um fato inédito neste domingo, a festa foi grande também para o alemão Timo Glock, da Toyota, que ficou com a segunda posição e foi ao pódio pela primiera vez na carreira. Kimi Räikkönnen foi o terceiro e também saiu satisfeito, já que passou quase toda a prova atrás de Alonso, conseguindo ultrapássa-lo somente após a segunda parada nos boxes.

Massa quer esquecer o mais rápido possível a corrida em Hungaroring, já que sua cabeça ficou tão quente quanto os vários carros que pegaram fogo durante o reabastecimento, já Hamilton que tinha tudo para perder a liderança ficou aliviado, o que sería um grande prejuízo virou lucro e ele segue na primeira colocação com 62 pontos, contra os 57 de Räikkönen e os 54 de Massa, o brasileiro espera agora uma melhor sorte no GP da Europa, somente daqui a três semanas. (Fotos: Karoly Arvai/Reuters)

- FÓRMULA 1

8 comentários:

Ohhhhhhhhh Hamilton
dava pra ganhar né!!

Net tricolor 1,2,3,4
huauHUhuaua
G4 nosso!!!

Bjsss

Breiller disse...

Glock, Alonso e Massa fizeram grande corrida. No entanto, a sorte (ou falta dela) foi cruel só com o brasileiro. Ainda há tempo pra recuperar a liderança, mas Massa e Ferrari têm de entrar numa sintonia mais fina nessa arrancada final.

Vinicius Grissi disse...

Fiquei muito chateado pelo Felipe. Foi uma largada perfeita, que há muito tempo eu não via igual. Fazia uma corrida fantástica apesar do favoritismo da Mc Laren. E uma infelicidade no fim. Mas acontece. Fica a certeza que há cada dia o brasileiro é mais respeitado no circuito.

carlos pizzatto disse...

Não vi a correda.

Ainda bem. Só passaria raiva.

Daniel Leite disse...

Corrida muito dura para o Massa... Mas faz parte. O próprio Hamilton foi prejudicado pelo destino. Assim como foi Raikkonen, por inúmeras vezes no passado. Os três têm chances...

Até mais!

Leandro disse...

Dessa vez Massa foi azarado. Isso aconteceu com Raikkonen em 2005 quando ele ainda estava na Mclaren. Faltando 1 ou 2 voltas para o final da corrida, o motor do finlandês, que liderava a prova, estourou e a vitória caiu no colo de Alonso que vinha em segundo. Massa só não foi mais azarado, porque o segunda era Kovalainen e não Hamilton. Menos mal.
Abraço

Blog F1-V8 disse...

O desfecho da corrida foi decepcionante, mas a ultrapassagem do Massa na largada foi sensacional!! PEna que ela não vale 10 pontos no campeonato!! ehahahehaeha

blogguardrail disse...

Concordo com as meninas do f1-v8.Pena que nao vale 10 pontos,pq foi demais!