Kasparov vence o duelo

09:26 Net Esportes 5 Comments

No ano de 1984 ele tinha apenas 21 anos e enfrentava aquele que na época era o melhor de todos, Anatoly Karpov dominava o xadrez já haviam dez anos, mas o jovem sábio Gary Kasparov surgia para acabar de uma vez por todas com aquela hegemonia do compatriota russo, o duelo histórico acabou durando cerca de cinco meses, e com ambos exautos teve que ser interrompido. No ano seguinte a decisão do Mundial teve novamente frente a frente os dois grandes mestres do tabuleiro, e Kasparov venceu e se tornou dali em diante o maior e melhor enxadrista de toda a história.
Kasparov vs Karpov Chess Match on AOL
Anos de domínio e anos liderando o ranking e ganhando os campeonatos mundiais, não tinha nem para Karpov nem para ninguém que viesse desafiar a mente de Kasparov, até que um dia, em 1997, acabou sendo superado por um computador chamado Deep Blue, uma vitória polêmica que causou revolta no jogador, depois disso só Vladimir Kramnik conseguiu lhe supera no ano 2000 vencendo o campeonato mundial, até que ele deixou o jogo profissional em 2005, quando ainda era líder do ranking, para se tornar líder revolucionário em oposição ao governo de Vladimir Puttin na Rússia.

Garry Kasparov foi preso cerca de duas vezes e passou a ser conhecido mundialmente por suas ações contra o governo, mas na Rússia ele ainda é conhecido como jogador de xadrez, e o melhor que já existiu, assim o grande duelo contra Karpova foi reeditado em um "match" de exibição na cidade Valência, só que desta vez com tempo limitado para cada jogadada, sendo que um total de 12 partidas foram estipuladas para três dias de uma disputa muito acirrada, polêmica e com inúmeras trocas de farpas, o rei ficou em xeque várias vezes e o rei do xadrez levou a melhor mais uma vez.

"Nunca nos demos bem, somos como Pelé e Maradona" - disparou Karpov, "Jogar contra ele é mais simples que fazer política" - rebateu Kasparov, o grande vencedor do duelo histórico, com nove triunfos contra uma derrota e dois empates, o maior vencedor de todos os tempos provou que só mesmo um computador pode lhe superar e espera agora por um pedido de revanche do antigo rival, pois o duelo pode virar até uma grande turnê pelo mundo, com a cidade de Paris anciosa para receber a dupla já em dezembro deste ano, restando saber apenas se Karpov vai querer continuar perdendo, pois se não ganhou depois de 25 anos não deve ganhar nunca mais. (Foto de arquivo para ilustração: Stephen Chernin/Getty Images via PicApp)

5 comentários:

Patrick Araújo disse...

QUERIA TAMBÉM SER UM MESTRE DO XADREZ... RSRSRRSS... SEI JOGAR MTO POKO.. O BASICO DO BASICO...

FALAM Q O XADREZ MELHORA O DESEMPENHO DA MULEKADA NOS ESTUDOS, PORTANTO DEVERIA SER MAIS INTRODUZIDO NAS ESCOLAS DE NOSSO BRASIL.. SERIA DE EXTREMA IMPORTÂNICA..

ABRAÇOSSSSSS

Vinicius Grissi disse...

Xadrez é forçar a barra para mim. Primeiro porque não considero esporte. Segundo porque apanho das "estratégias".

Ron Groo disse...

Russos tem mesmo que jogar xadrez, afinal é um esporte onde se joga calado, e dois russos conversando dá sempre a impressão de uma bela discussão.

Loucos por F-1 disse...

Kasparov realmente é bem conhecido no mundo todo, seu desempenho no xadrez é incrível. O cara é bom mesmo.

Abraço!

Leandro Montianele

Gleison Harvyn disse...

Muito bom o poste, sou ligadão em Xadrez.