Há dias que a bola não entra

14:00 Net Esportes 2 Comments

Vicente Del Bosque of Spain brings on Fernando Torres of Spain..FIFA World Cup 2010 Group H..Spain v Switzerland..16th June, 2010.
Costumam dizer pelas esquinas da vida onde caminham por cada dia nesse mundo que: "ataques ganham jogos, e defesas ganham campeonatos", mas naquele que foi o último jogo da primeira rodada da Copa do Mundo de 2010 a história será diferente quando os comentários se difundirem em enorme variedade pelos quatro cantos do planeta, um jogo em que a zebra africana escapou do safari e passou correndo livre e feliz pelo estádio de Moses Mabhida, em Durban, no feriado sul-africano, a defesa ganhou o jogo com o resultado mais improvável que pudesse ocorrer neste Mundial, resta saber agora se o ataque do oponente fará o contrário e ganhará o campeonato, a história diz que isso não poderá ocorrer.

Nenhum entre todos os campeões de Copa do Mundo foi derrotado em seu jogo de estreia, os ataques podem até ganhar campeonatos mas parece que isso ficou bem longe de acontecer agora, a história também diz que grandes Seleções que jogam bonito ficam também sem levantar a taça, pobre Brasil de 1982, pobre Espanha de 2010, chutão do goleiro para cobrar o tiro de meta, a bola chega rapidamente do outro lado, Derdyiok divide com o goleiro Casillas, um penalti poderia até ser marcado, um bate rebate incrível que faz a bola sobrar limpa para Gelson Fernandes, ele não perdoa, chuta forte e abre o placar em mais um jogo da Copa que insistia em não deixar a rede balançar, a Suiça fez um a zero, e foi suficiente.

Funcionou mais uma vez a tranqueta de ferro corrediço que travam as portas e janelas das esquinas e dos quatro cantos do planeta, o chamado ferrolho suiço, a tática defensiva que mudou o futebol, a tática que é usada até que com perfeição pela Seleção da Suiça, mais de oito horas sem tomar gols em jogos de Copa do Mundo, cinco jogos de invencibilidade, uma invencibilidade que os fizeram ser eliminados desta forma insuperável na Copa do Mundo de 2006, perdendo apenas na disputa de penaltis das oitavas-de-final, disputa de desempate onde ironicamente não acertaram uma cobranças que fosse, perfeitos em não sofrer gols eles são péssimos para conseguir fazer algum, mas encontraram aquele que precisavam contra a Espanha.
June 16, 2010 - Durban, South Africa - epa02204904 Spain's Sergio Ramos (L) and Switzerland's Gelson Fernandes (R) during the FIFA World Cup 2010 group H preliminary round match between Spain and Switzerland at the Durban stadium in Durban, South Africa, 16 June 2010.
Favoritíssima ao título, a Espanha se complicou completamente na competição, tantos jogos sem perder para times Europeus, nenhum jogo perdido nas Eliminatórias, o grande ano e a maior esperança de toda a história espanhola, a classificação para a próxima fase não é impossível, mas terão que superar o Chile, equipe que jogou muito bem e que derrotou Honduras por um a zero, além de ter que passar pela própria Honduras, sendo que se a Suiça arrancar um empate contra os chilenos e superar de forma natural os hondurenhos, terão sete pontos, fazendo que com seis a Espanha seja segunda colocada no Grupo, e isso pode levar a Fúria ao confronto com o Brasil já nas oitavas-de-final, onde não haverá ferrolho, mas haverá um ataque que realmente ganha campeonatos. (Fotos: ZumaPress via PicApp)

2 comentários:

Gigante Colorado disse...

A Copa vinha vindo tão sem graça, mas aí eis que surge a primeira grande ZEBRA! Suíça!!! Pra mim foi um belo jogo, um resultado surpreendente! Me deu a maior dó da África agora! =/ Mas tudo bem, acontece neh! =//

Adorei o blog, to seguindo ja, viu??
Aceita parceria??? Troca de link???
Passa lá no Gigante Colorado!!! :D

Beijooooo (Gabriela)

Ron Groo disse...

Para mim a Espanha sempre é uma enganação... Depois leia o artigo que publiquei e vai entender melhor.

Eles são na copa do mundo como o corinthians na Libertadores.