Karl Wald não imaginou isso

09:39 Net Esportes 2 Comments

Foi em 1970, na Watney Cup, uma competição que hoje já não é mais disputada. Karl Wald, um ex-árbitro alemão, nascido em 17 de fevereiro de 1916, teve naquela ocasião uma excelente idéia para acabar com a forma com que se desempatava um jogo de futebol. Chega de marcar uma terceira e desgastante partida nos duelos de dois jogos, chega de fazer o bizarro e injusto cara ou coroa, isso não é jeito de se decidir o campeão de uma comtição, isso ainda é usado na fase de grupos quando duas equipes conseguem uma campanha rigorosamente igual; até quando? E então se começou a fazer as hoje tão conhecidas cobranças de pênaltis, disputa por pênaltis, a decisão nos pênaltis. Karl Wald só não imaginou uma coisa: se decepcionar com quem não entendeu sua idéia.

A primeira vez, quando estava já com os seus 90 anos de idade, foi durante a Copa do Mundo de 2006 na Alemanha. Uma primeira fase praticamente impecável, a Suiça ganhou dois jogos, empatou um, ficou em primeiro lugar no Grupo G com sete pontos e não sofreu nenhum gol, o famoso ferrolho suiço funcionou como nunca. Nas oitavas-de-final fez um duelo contra a Ucrânica, e continuou não vendo suas redes balaçarem, porém sem conseguir também balançar as redes rivais. Obrigado Karl Wald, após a prorrogação vamos decidir nos pênaltis, e foi lá que a Suiça fez o velho alemão sofrer como jamais sofreu antes. Nenhum gol sofrido durante toda a Copa do Mundo. Streller, Barnetta e Cabanas, nenhum gol marcado na decisão por pênaltis, derrota por 3 a 0, isso não acontece todos os dias.

Na mesma Copa do Mundo a Inglaterra conseguiu errar três cobranças em quatro diante de Portugal, marcou pelo menos uma vez com Hargreaves. Com algo tão decepcionante para Karl Wald acontecendo era meio impossível imaginar que um dia poderia ser pior, que um dia uma equipe poderia errar quatro cobranças na decisão por pênaltis, muito menos que poderia ser a Seleção Basileira, logo na Copa América de futebol. Depois de quarenta e um anos, Elano, Thiago Silva, André Santos e Fred conseguem entrar para a história do futebol, conseguem fazer o grande favor para sua nação de errarem suas cobranças de pênaltis na mesma disputa diante do Paraguai, que errou um com Barreto, mas conseguiu acertar dois com Estigarribia e Riveros. Conseguiram fazer pior que a Suiça da Copa de 2006, essa Karl Wald não merecia nem ficar sabendo que aconteceu.

O Paraguai elimina o Brasil vencendo nos pênaltis por 2 a 0, um placar de jogo nos pênaltis. O Brasil que vem jogando mal desde que a Copa da África do Sul acabou, o Brasil que não ganhou de times bem colocados no ranking da FIFA, a Argentina, a França, a Holanda e o próprio Paraguai, este último em dois jogos, dois empates, na mesma competição. Robinho, Lucas e até mesmo Fred que errou ou Pato, Neymar e Ganso que poderiam não ter saído do jogo, deveriam ser os primeiros cobradores, havia ainda muita areia no campo, uma marca do pênalti cheia de areia, desregular, onde a bola não parava direito, são desculpas daqui e de lá, esfarrapadas, a festa havia sido contra o Equador, quem não ganha do Equador? O gol davia ter saído antes, no tempo normal, na prorrogação, futebol não faltou desta vez, finalização sim, como na cobrança de pênaltis, pobre Karl Wald, ele jamais imaginou isso quando teve sua brilhante idéia. (Foto: Reuters)

2 comentários:

Marcelonso disse...

A eliminação nos penaltys até poderia acontecer, mas da forma que foi jamais.

Foi patético,ridiculo.

E o pior é que nada vai mudar tão cedo, ainda mais com Mano Menezes com interesses escusos em fazer aparecer - André Santos - Lucas Leiva e Jadson.
Jogadores, cujo empresário Carlos Leite, o mesmo de Mano...

Acho que já vi esse filme!


abs

Net Esportes disse...

@Marcelo: Enquanto houve esses interesses acima do esporte, onde só se pensa no dinheiro, será assim, lamentável.