Manning acerta com grana do Broncos

14:37 Net Esportes 2 Comments

Peyton Manning Denver BroncosPeyton Manning dará uma entrevista coletiva dentro de instantes para falar sobre sua ida para o Denver Broncos. Ele provavelmente irá listar dezenas de motivos para sua escolha, dizer que a equipe tem ótimos jogadores para brigar por títulos, talvez até dizer que na infância gostava ou até torcia para a equipe do Colorado. Exagero, ele nasceu em Nova Orleans, onde seu pai jogava, mas ele nem disse nada ainda, sou eu que estou dizendo que ele talvez diga! E mesmo que não diga isso e fale sobre outros motivos, nenhum deles será o verdadeiro motivo. A verdade óbvia ficará obscura, em segundo plano, pois jogar é o que importa, mais do que o dinheiro. Será? Haviam cinco times com interesse e ele escolhe o que vai pagar o maior salário já pago na história da NFL.

Pode negar até o fim da vida, mas está absolutamente claro que o dinheiro falou mais alto. Foi de fato um verdadeiro leilão e os derrotados Tennessee Titans, San Francisco 49ers, Arizona Cardinals e Miami Dolphins certamente ofereceram menos do que US$ 96 milhões (cerca de R$ 175 milhões) por cinco anos. A quantia é maior do que a paga para Tom Brady e até para o atual campeão Eli Manning, que tem dois Super Bowls, mais do que Peyton tem. Está bem claro que as outras equipes perderam Peyton Manning porque não estavam dispostas a pagar tanto por um dos melhores quarterbacks da atualidade, mas provavelmente elas não estavam dispostas a pagar por tanto tempo. Peyton está com 35 anos, terá 41 daqui a cinco anos. Será que até lá terá mais lesões ou mais títulos e prêmios de MVP na sua trajetória pelo futebol americano?

Independente disso, o risco que o Denver Broncos corre não é nenhum absurdo. Vale muito à pena apostar em um jogador que sem dúvida alguma será Hall da Fama depois que se aposentar. Um jogador que já foi convocado para o Pro Bowl onze vezes, ganhou quatro prêmios de MVP de toda a temporada regular e levou o Indianápolis Colts ao título no Super Bowl XLI, sendo também o MVP daquela partida. Peyton Manning se lesionou no ano passado e sua equipe simplesmente sumiu do mapa, perdeu quase todos os jogos e disse adeus a campanhas que sepre terminavam em playoffs. Isso provou ainda mais a importância de Peyton Manning, provou que o Broncos fez uma aposta certa, pelo menos no que diz respeito à substituição do seu então quarterback sensação Tim Tebow.

O religioso Tebow provavelmente vai embora, o jogador que fez o mundo repetir seus gestos no ano passado e que conseguia vitórias milagrosas. Cerca de cinco equipes já demostraram interesse, fazendo parecer até que o Denver Broncos errou em trocar uma jovem revelação por um veterano que já foi superado talvez até pelo irmão mais novo. Mas a verdade é que, sensação estilo Jeremy Lin à parte, Tim Tebow faz mais jus ao fato de ter sido a 25ª escolha no draft do que manter esperanças na tentativa de repetir os feitos de John Elway que venceu dois Super Bowls no Broncos. No total Tebow conseguiu apenas 12 touchdowns e seis interceptações, fazendo suas sete vitórias em onze jogos terem sido ainda mais milagrosas. Por isso Peyton Manning está chegando, por isso e porque o Denver Broncos tinha muito dinheiro para investir em um futuro que pode ser grandioso. (Foto: Doug Pensinger/Getty Images)

2 comentários:

Luiz Paulo Knop disse...

Mandou bem ao citar que Peyton foi superado por Eli.

O que me parece nessa história toda é que os Broncos querem repetir os Vikings de Brett Favre, não tem outra explicação.

Só espero que no fim das contas sobre alguma coisa boa pro meu 49ers, chega de Alex Smith!

Luiz Paulo Knop
www.resenhaesportiva.com

Net Esportes disse...

@Luiz: Valeu Luiz!

Só acho que no caso do Vikings o Favre tinha se aposentado e o Green Bay rejeitou ele. Já o Colts dispensou o Peyton em comum acordo com o jogador. Se dependesse só do Favre ele ficava no Packers até o fim.