Histórias do Basquete II

17:00 Net Esportes 9 Comments

Nas Olimpíadas o basquete dos EUA já fazia sucesso, mas por lá a bola só pingava em chãos de terra, era arremessada em tabelas de madeira e sem rede nas cestas, porém nos anos de 1946 e 1947 as coisas começaram a mudar com o início da NBA, na época surgindo como BBA (Basketball Association of America) e reunindo apenas onze times.

A divisão Leste tinha seis equipes enquanto que no Oeste estavam as outras cinco, o hoje todo poderoso Boston Celtics era um dos mais fracos, conseguiu apenas 22 vitórias e ficou na penúltima colocação, os destaques eram o Washington Capitols e Chicago Stags, sendo que o segundo alcançou a final após um confuso sistema de disputas nos playoffs.

Depois de passar pelo grande rival na semifinal, o Stags chegou ainda mais fortalecido na grande decisão, porém teve pela frente o surpreendente Philadelphia Warriors, que havia passado por St. Louis e New York. Na primeira partida o Chicago estava nervoso, de 129 arremessos só acertou 26, perdeu aquele e os dois jogos seguintes, mas na quarta partida, fora de casa, conseguiu enfim uma vitória na série.

O revés não abalou a equipe do Philadelphia Warriors, que no dia 22 de Abril de 1947 marcou seu nome na história após vencer o quinto jogo em Chicago pelo placar de 83 a 80, marcando 4 a 1 na série e faturando o primeiro título de todos os tempos, no ponto que definiu a vitória, a bola teria batido quatro vezes no aro, e foi arremessada por Howie Dallmar, o pior jogador do time que terminou a noite com apenas dois pontos, suficientes para fazer valer o prêmio de U$ 2 mil, entregues a cada um dos jogadores campeões, que não ganhavam anel nem troféu, mas deram inicio a maior liga de basquete do mundo. (Foto: Arquivo)

9 comentários:

Clóvis sivolC disse...

Legal era oq eu tava precisando pro meu trabalho de Ed.Física
vlw
abçs.

simple_chi! disse...

nunca gostei muito de basket, jogar até que é divertido, apesar de eu ser muuito ruim, mas legal seu post!! gostei do seu blog! parabens!

Daniel disse...

Gostei do texto. Basquete era um dos meus esportes favoritos.

Wander Veroni disse...

Muito bom saber um pouco mais da história do basquete americano. Gostei do seu artigo.

Abraço,

=]

-------------------
http://cafecomnoticias.blogspot.com

Breiller disse...

Tamanha a evolução do esporte no país dos yankees que hoje a Liga Norte-americana é, de longe, a mais valiosa e badalada do mundo, e movimenta cifras astronômica em torno de suas mega-celebridades.

O futebol, no Brasil, infelizmente, não seguiu o mesmo caminho. Entre CBF e NBA, há um abismo!

Marcos Garcia disse...

A organização é o caminho para o sucesso. Se o nosso futebol tivesse metade da organização do basquete norte-americano, seria muito melhor e mais rentável do que é hoje em dia.

http://blogs.abril.com.br/classeaesportes

Alexandre Silva disse...

Interessante é q quase todas as equipes mudaram de nome (ou franquia). Só o Boston vem desde os primórdios se ñ me engano. O Lakers era numa outra cidade... vi uma vez sobre isso mas ñ me lembro com detalhes. Só q a rivalidade entre os 2 começou por lá...

Basquete é meu 2º esporte, só uma pena no Brasil ele andar tão descrente e decadente. Até existem alguns talentos individuais como o Splitter e o Hilário, mas o resto...
Tem q re-re-repensar o basquete por aqui e muito.
Abraço
http://falandoprasparedes.blogspot.com/

Hamilllllllllllllllllton!!!
Campeão!!!!
Adorei!!!
rsrs

Leandrus disse...

26 acertos de 129 tentativas? Pô, bem nervoso mesmo hein!

Legal a história! Esperamos mais!