No museu de cera

15:47 Net Esportes 3 Comments

Imaginar o quão longe vai a relevância de ter sido o mais jovem campeão da Fórmula 1 em todos os tempos pode ser uma tarefa muito difícil, porém novas provas de valor do feito surgem a cada dia, e a última delas é que o piloto Lewis Hamilton, de apenas 23 anos de idade, estará em breve na lista de celebridades do Museu de Cera.

Aproveitando a folga no calendário, Hamilton esteve em Londres, onde fica o famoso Museu de Madame Tussauds, para tirar medidas do seu rosto e todos os detalhes de seus traços, visando fazer uma réplica perfeita em cera do piloto, que terá uma estátua de corpo inteiro e segurando o seu capacete.

Foram feitas cerca de 300 medidas do piloto da McLaren, além de diversas anotações sobre características do competidor, a expectativa que é que o trabalho fique pronto em seis meses, assim Hamilton poderá se juntar a outras lendas da música, cinema, líderes mundiais e é claro atletas, como Ayrton Senna, Babe Ruth, Lance Armstrong, Tiger Woods, Zinedine Zidane e muitos outros. (Foto: AP Photo)

3 comentários:

Loucos por F-1 disse...

Acho meio cedo já construirem um estátua de cera para Lewis Hamilton. Ele é um grande piloto, é o mais jovem a vencer um campeonato, mas ainda não construiu uma história de peso na categoria para tanto.

Abraços!

Leandro Montianele

Alexandre Silva disse...

Os caras que fazem este tipo de obra são considerados artistas com A maiúsculo...
É inegável que Hamilton merece a homenagem, mas acho que até a estátua dele vai tremer nas bases ao ficar do lado desses nomes aí... rsrsr
É uma responsabilidade gigante ser "igualado" a eles
Abraço
http://falandoprasparedes.blogspot.com

Daniel Leite disse...

Pois é, também acredito que os construtores da estátua de cera são demasiadamente apressados. No entanto, penso por um outro lado: Hamilton ainda vai ganhar muito, por ser tão jovem e tão bom. Por isso, pergunto: quantas homenagens o mundo ainda vai lhe render?

Até mais!