Ano ímpar é com ela

09:33 Net Esportes 10 Comments

Primeiro foi em 2003, depois em 2005 e 2007, e agora em 2009, nos últimos tempos quando se fala em ano ímpar no Aberto da Austrália feminino, se fala em título da norte-americana Serena Williams, a tenista que se tornou a esportista mais bem paga do Mundo na última Sexta-feira, aumentou ainda mais a conta bancária com uma vitória arrasadora sobre a russa Dinara Safina.

Antes da final de hoje, o complexo de Melbourne Park havia visto duas vitórias massacrantes com parciais de 6-0 e 6-2, da tenista local Margaret Smith Court em 1962, e de Steffi Graf em 1994, e a desconcentração de Safina ao entrar na Rod Laver Arena quase proporcionou a quebra desse recorde, principalmente porque só havia ganho um game no segundo set.

A reação de Safina durou pouco, pois logo Serena voltou a mostrar seu melhor tênis, abusando da potência com saques poderosos, no final um passeio em 58min de partida, 6-0 e 6-3 no placar e o 10º título de Grand Slam na carreira em 13 finais disputadas, de quebra a jogadora ainda retornou ao posto de número um do mundo, onde já esteve antes por 61 semanas.

Enquanto Serena comemorava com cara de quem não esperava tanta facilidade, Safina chorava com cara de quem não esperava nem ter chance no jogo, a frustração de perder na final se junta a outras duas grandes derrotas, final de Roland Garros e final das Olimpíadas, provando que a concentração para uma decisão pesa muito, e a experiente Serena Williams, que faturou também o título de duplas ao lado da irmã Venus, aproveitou muito bem esse detalhe para ser campeã. (Foto: Lucas Dawson/Getty Images)

- AUSTRALIAN OPEN

10 comentários:

Móó legal disse...

bacana essa história de superação e dediacação ao esporte que levam a bons resultados. Mas sou só eu que estou com saudades da maria sharapova?
AEUHuaehuHEUaheuHUEHuaehuAHEUaheuhaE

--
www.moolegal.wordpress.com
mate sua saudade aqui!

Felipe disse...

Muito legal. Gosto dos americanos principalmente pela força de vontade e patriotismo. Ela merece!

www.centralldamusica.blogspot.com

Carlos Junior disse...

a serena é realmente uma das melhores do mundo

+ eu prefiro a servia

Ana ....

Vinicius Grissi disse...

É uma verdadeira campeã. Inclusive, uma família impressionante no tênis.

OBS: Acho que tem um erro no título do post. Não seria, Ano impar é com ela?

Abraços!

Obrigado Vinicuis sempre atento Grissi !!!!!

Blog F1 Trulli disse...

Q show da Serena, repetiu o q fez com Sharapova
6/1 e 6/2


eu esperava um jogo ao nível do q ela jogou contra Kuznetsova
no entando Serena atropelou, humilhou total a Samira ahuahuahauhau
tinha hora q parecia q Samira iria chorar no meio da partida (assim q acabou ela começou a chorar)

vou ficar d olha na hora q a ESPN vai repetir a partida pra rever uahauhauahau

Abração

Euzer Lopes disse...

Pra você ver o que significa a dedicação. Quando se junta o gostar do que se faz com um objetivo a ser alcançado, basta seguir o caminho. Talento, técnica, vontade, garra, determinação fazem, sim, e muito, a diferença

Juliana Correia disse...

Vai ter aberto de tênis aqui na Bahia em fevereiro.. No que será que vai dar?

Leandrus disse...

Pô, a Serena nem deixou a outra brincar! Pra quem assistiu a longa partida do Nadal na sexta, essa foi fichinha, hehehe
E amanhã tem jogão na final do masculino. Se eu fosse mais interessado em tênis (tô longe disso) acordaria cedo para assistir.

Ateh!

Daniel Leite disse...

Vou apenas, nesse sentido, fazer uma alusão aos San Antonio Spurs. Desde 1999, esta lógica dos anos ímpares só falhou em 2001 para o time de Gregg Popovich. Tim Duncan & Cia. foram campeões em 99, 03, 05 e 07. Perdão pelo clubismo!

Até mais!