Pra ser esporte olímpico

12:40 Net Esportes 2 Comments

A sede das Olímpiadas de 2016 ainda nem foi escolhida, mas os esportes candidatos às duas novas vagas já estão se preparando ao máximo para serem escolhidos em outubro, dentre os quais o beisebol e o softbol, excluídos em 2005 que tiveram sua última participação em Pequim, lutam contra outras cinco modalidades, que incluem um velho conhecido do COI.

Até a edição de 1924, o rúgbi fazia parte do programa esportivo dos Jogos Olímpicos, foi excluído e agora tenta com todas as forças retonar ao maior evento esportivo do planeta, desta vez mais compacto, com apenas sete jogadores ao invés de quinze, as disputas seríam curtas, dois ou três dias com pouco investimento e disputas nos campos já existentes.

Também na briga, mas exigindo um campo muito maior para a competição, está o golfe, um esporte que vem impulsionado pelo sucesso do circuito profissional, onde as disputas olímpicas aconteceriam em 72 buracos com um playoff de três buracos no caso de um empate, a provável presença de Tiger Woods nas Olimpíadas é sem dúvida um fator que pode ser determinante na escolha.

Sem um atleta que é uma grande estrela do esporte no Mundo, mas apostando no fato de ser a arte marcial mais popular do planeta, com mais de 100 milhões de praticantes espalhados por 180 países, o caratê também tenta sua inclusão, sendo o único problema a já existência do judô e do taekwondo, a briga que incluí também a patinação de velocidade e o squash, será quente, mas apenas dois estarão em 2016, só não se sabe ainda onde. (Foto: Arquivo)

2 comentários:

Marcel Jabbour disse...

Karatê faz todo o sentido!

Golfe é estranho.....difícil fazer essa ligação com esporte olímpico. Mas é melhor ter esportes demais do que de menos!

Tem Papo Dilouco novo!

Abração

diletra.blogspot.com

Leandrus disse...

Perguntei para um amigo que pratica caratê porque esse esporte não está nas Olimpíadas e ele me disse que é visto por alguns como violento demais, além da concorrência com os outros citados por vc.

A principio, sou contra as Olimpíadas no Rio, mas se tiver não vou boicotar. Então, se for por aqui mesmo, tomara que tenha rugby! Pelo menos sei que vou encontrar ingresso pra acompanhar!

Ateh!