Vendaval de toda parte

14:47 Net Esportes 1 Comments

Ventos muito fortes de até 90 Km/h atingiram as colinas acima da cidade mediterrânea de Benidorm, na Espanha, o resultado foi uma ampla destruição das arquibancadas, montadas para receber um dos duelos mais esperados da primeira rodada do grupo mundial da Copa Davis de tênis. No sábado, o vendaval arrasador tinha passado, mas em quadra veio outro, dos espanhóis sobre os sérvios.

Depois do tempo ruim, o que se via era apenas a barulhenta e colorida torcida espanhola sob o sol da Costa Blanca, e enquanto o número um Rafael Nadal, que não pôde jogar o deulo decisivo pelo título no ano passado contra a Argentina, arrasava Janko Tipsarevic, David Ferrer também fazia sua parte, não dando a menor chance para a esperança sériva Novak Djokovic, fazendo um 3 a 0 contudente.

Os ventos da natureza pararam de soprar com tanta força, e os da Espanha sequer foram brisas no duelo de duplas, a vitória até surpreendente de Viktor Troicki e Nenad Zimonjić sobre Tommy Robredo e Feliciano López, só tinha um lado bom para a torcida e os amantes do tênis, nós teríamos o confronto entre dois dos três melhores tenistas da atualidade, Nadal contra Djokovic.

O piso de saibro ajudou muito, a imensa torcida apoiou demais, não há dúvidas que os ventos sopraram muito mais a favor da Espanha do que da Sérvia, e se Ferrer já havia vencido Djokovic sem maiores problemas, Nadal é que não deixaria de fazer sua parte, marcou arrasadores 6-4, 6-4 e 6-1, classificou a Espanha para enfrentar a Alemanha, provando que eles tem tudo para levar mais um título, porque depois da tempestade, sempre vem a bonança. (Foto: Jasper Juinen/Getty Images)

1 comentários:

Leandrus disse...

Eu queria ser fã de tênis, já tentei, mas sempre foi um jogo que não me empolgou muito, sempre me deixou entediado. Mas ainda assim tô pensando em ir nesse evento que vai ter aqui no Rio com nomes antigos do tênis. Acho que vou dar a última chance, rs