Cinco momentos Button

11:53 Net Esportes 3 Comments

O inglês Jenson Button é o novo campeão mundial de Fórmula 1, o piloto que teve uma carreira de altos e baixos na categoria máxima do automobilismo alcançou finalmente a maior glória neste esporte, provando que além de Jenson, ele também é um verdadeiro "Jason", nunca esteve morto e ressurgiu das cinzas para conquistar o título, o maior momento de sua carreira que teve porque não outros grandes momentos, vamos relembrar cinco deles, incluindo claro o maior de todos.

01. GP DA AUSTRÁLIA DE 2000
British Auto Racer Jenson Button
Button abandonou a corrida na volta 46 com problemas no motor, mas esta corrida foi sem dúvida um momento especial pois o inglês porque ele fazia ali a sua grande estréia na Fórmula 1 onde pilotava para a equipe Williams. Na corrida seguinte ele foi sexto colocado sendo na ocasião o piloto mais jovem a pontuar em toda a história, superado apenas por Vettel anos mais tarde.

02. GP DA MALÁSIA DE 2004
Malaysian Grand Prix
Em 2001 ele foi para a Benetton e no ano seguinte para a Renault, mas só em 2003 encontrou o seu lugar, na BAR, onde na corrida da Malásia em 2004 conseguiu ir ao pódio pela primeira vez em sua carreira, terceiro colocado e tendo ninguém menos que Michael Schumacher para festejar ao seu lado, o alemão foi o campeão daquele ano e Button mostrava seu valor terminando o campeonato em terceiro após mais oito pódios naquele que foi até então o melhor ano de sua carreira.

03. GP DA HUNGRIA DE 2006
F1 Grand Prix of Hungary
O ano de 2005 não foi bom e muito menos 2006, porém na sua sétima temporada correndo pela Fórmula 1 Button finalmente conseguiu vencer uma corrida, o GP da Hungria onde largou na quarta posição, atrás de uma McLaren, uma Ferrari e ainda do seu companheiro na equipe Honda, Rubens Barrichello, superou todos para cruzar a linha de chegada na frente, seu primeiro e inesquecível triunfo em um GP de Fórmula 1.

04. GP DA AUSTRÁLIA DE 2009
F1 Grand Prix of Australia - Race
As esperanças talvez já tivessem até acabado, mas Jenson Button teve uma nova chance quando a Honda virou Brawn GP e surpreendeu o mundo da Fórmula 1 com um carro vencedor, não havia adversários e o triunfo no GP da Austrália foi o primeiro de seis em sete provas, mais um momento marcante em sua carreira que deu início a uma arrancada que só poderia terminar em título mundial.

05. GP DO BRASIL DE 2009
F1 Grand Prix of Brazil - Race
Após a oitava corrida do campeonato, Button parecia ter virado o mesmo Button de outros tempos, meio apático e sem a mesma performance do início do ano que lhe fez liderar toda a temporada, porém administrando de maneira precisa todas as provas, onde abandonou apenas uma e pontuou em todas as outras, como no GP do Brasil onde ficou em quinto lugar, suficiente para ser o novo campeão do mundo de Fórmula 1, o maior momento de toda a sua carreira. (Fotos: Clive Mason /Allsport, Clive Rose/Getty Images, Clive Mason/Getty Images e Mark Thompson/Getty Images via PicApp)

3 comentários:

Daniel Leite disse...

Sempre fiz uma imagem positiva de Button. Acho-o ótimo piloto, que sabe explorar todas as qualidades do carro. Mesmo pela BAR, ele já havia chegado perto dos líderes numa temporada. Com a criação da Brawn e a consequente ressurreição de suas possibilidades, ele fez o que tinha de fazer: marcou muitos pontos no início e praticamente garantiu o título antes do momento em que houvesse um maior equilíbrio entre as equipes.

Até mais!

http://ortodoxoemoderno.blogspot.com

Leandrus disse...

Legal esse Top 5, vi os outros mas não deu tempo de comentar (cheguei atrasado, rs)

Esse GP da Hungria de 2006 é meio marcante para mim. Na época eu via F-1 mas ainda não acompanhava com tanta devoção. Eu tinha chegado muito tarde em casa no dia anterior e não quis ver a corrida, pq corridas na Hungria geralmente são muito chatas.

Pois bem, o GP foi excelente, uma das melhores provas vistas na Hungria. E com um pódio improvável e a vitória do azarão Button. Dali para frente, nunca mais perdi uma corrida, a não ser em ocasiões especiais.

Ateh!

Vinicius Grissi disse...

Ótimas escolhas. Button vive um momento fantástico porque é um bom piloto. E sua carreira caminhou, passo a passo, até levá-lo ao topo.