Título é das melhores

10:17 Net Esportes 3 Comments

Enquanto a NBA não começa, o fã do basquete foi passando o tempo com a WNBA, versão feminina do melhor basquete do mundo, afinal a equipe feminina dos EUA também é a atual campeã olímpica de Pequim 2008, onde tinha uma equipe muito forte que além da grande estrela Lisa Leslie, contava com outras grandes jogadoras como a MVP Diana Taurasi e Cappie Pondexter, duas das maiores estrelas que atuam no Phoenix Mercury, o time campeão de 2007 que tem ainda a australiana Penny Taylor, e que com tantas boas jogadoras acabou repetindo a festa do título esse ano mais uma vez.
WNBA Finals Game 2: Indiana Fever v Phoenix Mercury
Na temporada regular da WNBA não tem nada de intermináveis 82 jogos para ver quem vai aos playoffs, as 13 equipes são divididas em apenas duas Conferências e as quatro melhores de cada uma se classificam após 34 partidas, semifinais e finais de cada Conferências são realizadas em melhor de apenas três jogos, tudo muito simples e tudo muito rápido, o equilíbrio acabou sendo maior no lado Oeste, porém o Phoenix Mercury conseguiu se livrar do temido Los Angeles Sparks e passou para a grande final, carregando consigo o grande favoritismo.

Elas eram inevitavelmente as melhores do ano e grandes favoritas ao título, natural após uma campanha de 23 vitórias e 11 derrotas, o que não esperavam era que do outro lado pudesse vir uma equipe tão forte quanto a delas, o Indiana Fever, que nunca foi campeão, mas que tinha apenas uma derrota a mais na temporada regular e que nos playoffs quase não deu chances a ninguém, passando inclusive pelo atual campeão, o Detroit Shock. Elas realmente vieram fortes, lideradas pela também jogadora da Seleção Tamika Catchings, mas não foi suficiente.

O título ficou com as melhores da temporada, venceram a série final da WNBA por apertados 3 a 2, passaram sufoco após triunfarem na primeira partida e viram as adversárias virarem o placar nas duas seguintes, mas tiveram poder de recuperação para vencer o jogo quatro fora de casa por 90 a 77, deixando a grande festa para o duelo final no US Airways Center lotado, em mais um jogo emocionante que acabou 94 a 86 para as donas da casa, que se tornaram mais uma vez donas do título, e que encerraram de forma brilhante mais uma grande temporada do basquete feminino, o bonito basquete da WNBA. (Foto: Christian Petersen/Getty Images via PicApp)

3 comentários:

Michel Farias disse...

Não acompanho muito basquete, mas tenho noção que independe de sexo nos EUA tanto no feminino quanto no masculino os atletas norte americanos são os melhores do mundo..


Abraço!!

http://ofuteboleoscariocas.blogspot.com/

Fala Mestre!

Você Ganhou um selo!!!!!! Olha lá no meu blog!!!!

http://publicidadesportiva.blogspot.com/2009/10/o-nosso-primeiro-selo.html

Abraçossssssss

Vinicius Grissi disse...

É bacana ver o crescimento da WNBA. Os jogos não tem o mesmo brilho e jogadas de efeito do masculino, mas também são bons de assistir. As mulheres merecem este espaço.