A temporada 2010 da F-1

08:50 Net Esportes 3 Comments

Sports News - February 28, 2010
A espera está quase no fim e a temporada 2010 da Fórmula pronta para começar, no próximo dia 14 de março todos estarão prontos para correr o GP do Bahrain, corrida de abertura do campeonato que este ano promete ser um dos mais interessantes do últimos tempos, e isso se deve não por um possível equílibrio na disputa, e sim pela quantidade de novidades que irão surgir, como novas regras, novas equipes, mais corridas e principalmente o volta de um dos maiores pilotos de todos os tempos, aos 41 anos de idade Michael Schumacher está de volta à categoria máxima do automobilismo.

"Me sinto como uma criança perto do Natal", declarou o heptacampeão mundial da Fórmula 1 Michael Schumacher, que estará no comando da equipe Mercedes, que é na verdade a atual campeã da Fórmula 1, a Brawn GP de Ross Brawn mudou de nome e aparentemente perdeu suas forças, desta vez não tem 'malandragem' de difusor traseiro e nos testes de pré-temporada foi a melhor em apenas duas oportunidades, o que já é suficiente pelo menos para pensar em andar mais na frente do que atrás, porém além de ter que se preocupar com os adversários e um melhor desempenho do carro, Schumacher terá que pensar também no companheiro de equipe.

Nico Rosberg tem 70 corridas na Fórmula 1, nunca venceu e também nunca foi pole-position, mas diz que vai brigar de igual para igual com Schumacher, ele esquece que no novo e inchado grid de largada estarão muitos outros grandes pilotos, a Ferrari tem a dupla Felipe Massa ao lado do bicampeão Fernando Alonso, a McLaren traz o campeão Lewis Hamilton e o atual campeão Jenson Button, e não se pode jamais descartar a equipe que ao lado destas duas foi também destaque nos testes, a Red Bull, que tem o promissor alemão Sebastian Vettel ao lado do veterano Mark Webber, o australiano que até ganhou duas corridas no ano passado.
F1 Testing - Day Three
Três equipes na frente, uma tentando segui-lás e atrás deles um grande pelotão dos que raramente ocuparão um lugar no pódio, sorte deles que este ano a pontuação vai até o décimo lugar, sorte de Rubens Barrichello da Williams que sabe bem o que é correr só trocando pneus e sem reabastecimento, pena que foi a tanto tempo que talvez nem faça diferença, mesmo porque a Williams não deve fazer diferença nenhuma, nem a Renault e nem as novidades Lotus, Virgin e a Hispania Racing Team, que até a semana passada era a Campos, mas mudou de nome para ganhar uma sobrevida, melhor fosse talvez se isso não ocorresse, melhor fosse fazer como a USF1, deixar para o ano que vem, porque esse ano a briga será só lá na frente, e promete ser muito quente. (Fotos: Ker Robertson/Getty Images e ZumaPress via PicApp)

3 comentários:

Vinicius Grissi disse...

Promete ser uma das melhores temporadas de todos os tempos. Muitos campeões, ótimos novatos, bons pilotos. Resta saber se as novas regras vão funcionar bem.

FilipeJMS disse...

Não vejo a hora de começar a temporada também, principalmente pelo fim do abastecimento. A coisa mais chata dos ultimos tempos na F1 era o piloto ganhar posição no pit-stop. Torço pro Massa ganhar, mas aposto no Alonso!!

A temporada desse ano vai pegar fogo. Acredito que essas mudanças surtirão algum efeito. McLaren, Ferrari e Red Bull parecem levar uma ligeira vantagem em relação aos demais. Veremos a partir do Bahrein como será o campeonato desse ano.

Abraço!