A emoção que vai até o fim

14:55 Net Esportes 4 Comments

June 24, 2010 - Johannesburg, South Africa - epa02220055 Italy's Vincenzo Iaquinta reacts after missing a scoring opportunity during the FIFA World Cup 2010 group F preliminary round match between Slovakia and Italy at Ellis Park stadium in Johannesburg, South Africa, 24 June 2010.
Ainda não chegamos na fase de mata-mata da Copa do Mundo de 2010 mas as emoções já tomam conta dos jogos decisivos da primeira fase. Os Estados Unidos conseguiram nos acréscimos o gol que precisavam para seguir em frente, a Sérvia por sua vez não conseguiu a mesma façanha. Um gol resolveria e essa mesma situação surgiu para a atual campeã do Mundo, a Itália, que não apresentou um bom futebol nos primeiros jogos e foi obrigada a viver no sufoco quando jogou o último deles. Um drama que encheu de angústia e sofrimento o seu torcedor, faltava apenas um gol, um gol de empate para manter o sonho vivo, um gol que poderia ter saído contra a Nova Zelândia, ou o gol que veio aos 47 minutos do segundo tempo, e que seria suficiente se não tivesse sofrido um outro pouco antes.

As boas lembranças de 2006 ficam para trás, incrível pensar que a pouco tempo se vivia a glória de erguer o troféu de campeões da Copa do Mundo. Em um jogo final disputado contra a França, a outra Seleção campeã do mundo que foi embora para casa mais cedo em uma Copa onde todos os campeões mundiais estavam presentes. Parece que a Itália não quer ficar longe da sua companheira de todas as horas, a França. Parece que a Itália queria também ir embora da África do Sul mais cedo, esse ano conseguiram a façanha de não vencer nenhuma partida que fosse. Na Copa um empate contra o Paraguai em 1 a 1 e outro com o mesmo placar contra a Nova Zelândia, só que o ano de 1982 não se repetiu, apesar de que as chances para isso acontecer não faltaram.

Os empates foram péssimos, mas a Itália que é vista como um time envelhecido desde 2006 ainda teve muitos outros problemas. Sem Francesco Totti as coisas ficam mais difíceis. O goleiro Buffon se machuca e acaba sendo substituído no intervalo do primeiro jogo. Ele se juntou a Andrea Pirlo que na preparação da equipe para a Copa também havia se machucado. O jogador que é responsável pela armação das jogadas ainda entra no segundo tempo da dramática e emocionante partida diante da Eslováquia, que estava dois a zero para o rival e depois ficou três a um quando Kopunek entrou no jogo para tentar fechar de vez o caixão da Azurra. Ele quase fechou e enterrou, mas as emoções não persistiram até o final de um jogo extremamente contagiante.
June 24, 2010 - Johannesburg, South Africa - epa02219977 Slovakian Robert Vittek celebrates after scoring the 1-0 against Italy during the FIFA World Cup 2010 group F preliminary round match between Slovakia and Italy at Ellis Park stadium in Johannesburg, South Africa, 24 June 2010.
Disparado o melhor jogo da Copa do Mundo de 2010 em termos de emoção, os sentimentos à flor da pela deixam todos loucos quando Quagliarella faz mais um para os italianos nos acréscimos do segundo tempo, aquela bola que entrou ou não e ainda um gol que foi anulado pelo italiano estar em posição de impedimento já estão faazendo falta. Agora não adianta reclamar de tão pouco, o problema foi antes, nos outros jogos, o problema foi que agora a Eslováquia jogou de maneira inteligente e objetiva, se esforçou de maneira sublime para conquistar merecidamente a sua vaga nas oitavas-de-final com o segundo lugar no Grupo F. O primeiro posto fica com o Paraguai, que não passou de um zero a zero com a Nova Zelândia mas que era um zero a zero suficiente para manter a invencibilidade dos Sul-americanos, até agora donos da Copa, a Copa que segue vendo favoritos caírem e Zebras fazerem a festa. (Fotos: ZumaPress via PicApp)

4 comentários:

FilipeJMS disse...

É incrível pensar que quatro anos depois as duas seleções finalistas caiem fora na primeira fase, prova do que uma renovação precisa ser feita pra ontem na França e na Itália.

Sabe dizer se em alguma outra Copa a atual campeã saiu na primeira fase do torneio? Não me lembro de nenhuma!

Net Esportes disse...

@Felipe

Parece que é a terceira vez que isso ocorre.

Em 1950 e própria Itália depois de ter sido campeã em 1938.

E em 1966 o Brasil, após o título de 1962.

Um abraço

FilipeJMS disse...

É verdade, tinha me esquecido dessas. E tem mais uma que você esqueceu, a França em 2002 também caiu na primeira fase após ter sido campeã em 1998. Essa fato é bem mais comum do que eu pensava!

Net Esportes disse...

@Felipe: Pode crer, a França de 2002 era a mais fácil de lembrar !!!!