Um jogo perfeito de 28 outs

18:42 Net Esportes 4 Comments

MLB: Red Sox vs Tigers MAY 16
O estádio Comerica Park estava mais uma vez lotado na tarde desta quinta-feira em Detroit, ninguém queria perder mais um duelo entre a equipe local, o Detroit Tigers, contra os visitantes do Cleveland Indians, porém antes que o primeiro arremesso fosse efetuado, o arremessador titular da partida de ontem, Armando Galarraga, foi até o centro do campo para falar com os juízes da partida, em especial com o juiz Jim Joyce, que estava de cabeça baixa e com lágrimas nos olhos, ele havia se arrependido de um erro cometido um dia antes após ver o replay da jogada na TV, um erro que custou a Galarraga simplesmente o primeiro jogo perfeito da história conseguido por um jogador venezuelano.

No beisebol, um jogo perfeito significa que o arremessador elimina todos os jogadores do time adversário sem que nenhum deles consiga sequer uma rebatida válida que seja, um jogo tem nove entradas e é preciso eliminar três em cada entrada, assim sendo basta que sejam eliminados 27 jogadores sem que nenhum outro alcance a primeira base para se obter o jogo perfeito, isso é tão difícil de acontecer que ao longo da história de mais de 100 anos da MLB, apenas 20 jogadores tiveram a glória de atingir esse feito incrível, mas o mais incrível de tudo isso é que por duas vezes aconteceu nas últimas três semanas, e por muito pouco não aconteceu novamente.

O primeiro que entrou na história esse ano foi Dallas Braden, do Oakland A´s, que fez seu jogo perfeito contra o Tampa Bay Rays bem no dia das mães, já o segundo aconteceu no último sábado, Roy Halladay foi absolutamente perfeito e ajudou sua equipe, o Philadelphia Phillies, a vencer o Florida Marlins em uma noite mágica que os torcedores que testemunaram o feito histórico jamais irão esquecer, assim como ninguém vai esquecer o dia em que mais um jogo perfeito, algo tão raro de acontecer, foi impedido por causa de um erro bobo, um erro que poderia ser evitado se a MLB fizesse como a NFL e tirasse suas dúvidas na hora vendo o replay na TV, replay que foi visto depois pelo próprio juiz, mas aí já era tarde demais.
MLB: Red Sox vs Tigers MAY 16
O placar de 3 a 0 já estava mais do que garantido após uma atuação tão brilhante de Armando Galarraga, o jogo já estava na nona entrada e 26 jogadores já haviam sido eliminados, restava apenas um, justamente um que conseguiu uma rebatida rasteira, nas mãos de Miguel Cabrera, que rapidamente jogou para o próprio Galarraga na primeira base, a bola chegou antes do rebatedor mas Jim Joyce não viu assim, marcou save para espanto de todos e desespero geral porque faltava muito pouco para uma glória tão difícil de se conseguir, mais um rebatedor veio e mais um rebatedor foi eliminado, o 27º que na verdade era o 28º da noite, em um dia que todos consideraram como um jogo perfeito de 28 eliminados, pois de alguma forma ele ficou marcado na história. (Foto: ZumaPress via PicApp)

4 comentários:

Vinicius Grissi disse...

Que sacanagem com o cara. Conseguir um feito tão incrível como este e ser atrapalhado pela arbitragem é f...!

Já comentei aki várias vezes que não conheco nada de Beisebol e que gostaria mto de aprender sobre este esporte e jogar também.

Mais tenhu certeza absoluta que esse jogo deve ter cido MIL VEZES melhor do que o do Vasco ontem a noite...

Oh 10 reais mais mal gastos de ontem, pra ver o jogo no buteco aki em lafaiete... Agora, vamo festa junina e vou gastar pelo menos 5x isso em birita pra esquecer!

Boa Tarde, esta afim de trocar de links eu add o seu blog e vc add o meu na sua listas de blogs?
http://blogfutebolbonito.blogspot.com/

FilipeJMS disse...

Que vacilo com o Pitcher, mas foi o que você falou isso seria facilmente corrigido com auxílio das imagens da TV.
No beisebol essa ajuda seria muito mais fácil, porque não é um jogo com tempo corrido, com isso não ia precisar parar o tempo pra ver o replay da jogada!
Um pena para o Venezuelano...