Brincadeira vira história na NBA

10:43 Net Esportes 1 Comments

Nas estatísticas do jogo é possível ver que o Cleveland Cavaliers sofreu 19 turnovers, ou seja, perdeu a posse de bola por 19 vezes durante toda a partida contra o Los Angeles Lakers no Staples Center. Em uma dessas roubadas de bola o Lakers aproveitou para fazer um linda jogada, passando a bola de mão em mão até que Kobe Bryant a jogasse na tabela para que seu companheiro viesse voando e cravasse ela na cesta, parecia até um All Star Game antecipado, com as estrelas de Los Angeles brincando de jogar basquete, dando show em quadra e simplesmente dando um verdadeiro passeio no adversário, que acabou sofrendo uma das maiores humilhações na história da NBA.

É típico do esporte, vez e outra sempre acontece um dia histórico que fica marcado para sempre. Foi assim em 1966 quando o Lakers conseguiu uma das maiores vitórias da franquia em todos os tempos, foi assim também no dia 19 de março de 1972, jogando contra o Golden State Warriors e conseguindo uma diferença de 63 pontos, superada apenas na temporada de 1995-1996 pelo Chicago Bulls de Michael Jordan. A maior diferença de pontos na história do Lakers permanece, mas uma das três maiores diferenças de pontos da história aconteceu em mais uma noite histórica do esporte, contra o pobre Cleveland Cavaliers que nem viu a cor da bola, nem teve chance de reação.

Não tanto quanto o Warriors, mas massacrado da mesma forma, humilhado e pisoteado no chão duro da quadra de basquete. Não foram 63 pontos de diferença mas também não estamos em 1972, estamos em 2011 e 55 pontos de diferença hoje me dia é muita coisa. O pior é que o Cavs marcou apenas 57 pontos no jogo, sofrendo 112. Em 1972 as defesas não eram tão fortes como são hoje, o placar na ocasião foi 162 a 99 para o Lakers. Jamais em toda a sua história que começou no ano de 1970 o Cavaliers havia feito tão poucos pontos, a menor marca da franquia havia sido no dia 25 de março diante do San Antonio Spurs quando não passou dos 59 pontos. As coisas agora estão complicadas, saudades de um certo jogador aumentam a cada dia.

Não tem como alguém não ficar impressionado com os fatos. O Cavaliers simplesmente foi avassalador na temporada passada, fez a melhor campanha com 61 vitórias e apenas 21 derrotas, foi a única equipe que chegou a passou de 60 vitórias na temporada regular. O título não veio e seu principal jogador foi embora, LeBron James fez as malas e embarcou para Miami. Agora a equipe amarga apenas oito vitórias e 30 derrotas, fazendo compania ao Minnesota Timberwolves. Para piorar as coisas alguns jogadores como Joey Graham, Daniel Gibson, Leon Powe, a esperança Anthony Parker e até o brasileiro Anderson Varejão estão machucados e desfalcam a equipe. Assim fica difícil, assim fica fácil para um campeão como o Lakers poder brincar e fazer um treino tranquilo que se tornou uma vitória histórica na NBA.

1 comentários:

bia santos disse...

Acho o basquete um jogo muito bonito...As jogadas em câmera lenta parecem como um balé...

Muito bom o post!