Desastre na terra do canguru

12:35 Net Esportes 3 Comments

O que tem sido muito comum no mundo do golfe, por incrível que pareça, é dizer que Tiger Woods foi derrotado mais uma vez. A vida jamais voltou a "ficar bem" depois de todos os seus problemas conjugais, mas na semana passada um terceiro lugar no Aberto da Austrália e uma declaração de que voltou à sua velha forma não poderiam de forma alguma serem consideradas como algo ruim. O já considerado por tantas vezes como o melhor golfista da história deu finalmente esperanças ao seus fãs e aos admiradores do seu jogo, à seu principal patrocinador que jamais o deixou na mão. Mas ainda na terra do canguru ele caiu novamente, em um verdadeiro desastre para ser esquecido.

O match play é sempre um desafio diferente, perder nesse estilo de jogo onde os jogadores se enfrentam diretamente como um jogo de duas equipes se torna ainda mais evidente e doloroso. Tiger Woods começou, mais uma vez, com o pé esquerdo. Derrota dura, difícil, incompreensível por ter jogado tão bem na semana passada. O problema não era tão grande, o pior estava por vir, nesta quinta-feira quando ao lado de Steve Stricker, atual número cinco do mundo, perdeu para a dupla formada pelo sul-coreano KJ Choi e o australiano Adam Scott. Mas não uma derrota qualquer como fora a primeira, e sim uma derrota massacrante, sem fazer nenhum birdie, sem conseguir ao menos passar do buraco 12 no campo do Royal Melbourne Golf Club.

Na escuridão das trevas se encontra aquele que já foi sinônimo da mais plena concentração que se pode conseguir em uma competição esportiva. Esquecer os problemas além do jogo, voltar a sua atenção para apenas um objetivo: vencer. Não resta dúvidas de que Tiger Woods perdeu aquilo que lhe fazia ser o melhor, perdeu aquilo que jamais conseguiu reencontrar em sua vida após os problemas pessoais que teve. O maior culpado disso tudo é ele mesmo certamente, cavou sua própria cova, mas será que merece mesmo sofrer um pena perpétua até o fim da vida? No caso até o fim de sua carreira? Depende do julgamento de cada um, porque na prática Tiger Woods não está apenas perdendo, mas está perdendo de formas cada vez mais feias e sofridas.

É a Presidents Cup, uma competição que ocorre apenas de dois em dois anos. Os Estados Unidos contra o resto do mundo, menos jogadores da Europa. Quem precisa de Tiger Woods? Os americanos lideram por 7 a 5 mesmo que seu até pouco tempo atrás melhor jogador tenha sofrido duas derrotas. Já virou rotina perder, mas se não bastasse Woods agora perde de forma massacrante, e ainda por cima jogando contra o rival que contratou seu ex-caddie, Steve Williams. Aquele que foi seu escudeiro por muitos e muitos anos, que esteve ao seu lado nos momentos mais difíceis, demitido sem muitas explicações, em um momento que pediu uma folga quando Woods não estava nem competindo por causa de uma lesão. Agora do outro lado ele da risada.

Woods diz que agradece por tudo que Williams fez, o perdoa por ofensas racista que teriam sido feitas pelo ex-caddie em um jantar, lhe estende a mão antes e depois do duelo, mesmo que de uma forma fria. Já Williams não se contém, disse que a vitória com Adam Scoott logo após ser contrato foi a melhor de sua vida, disse que sempre apoiou Tiger e que de uma hora para outro viu o chefe lhe virar as costas. A guerra é grande e adentra inclusive a esfera esportiva, Adam Scott derrota Tiger Woods e quem comemora é Steve Williams. Tiger Woods perde mais uma vez e segue sua rotina, sua nova sina de estar sempre por baixo, sempre sendo derrotado, sempre perdendo e jamais conseguindo ser campeão novamente. Exceto quando suas derrotas não mudam a história, afinal os EUA estão liderando, ou será que nem desta forma Woods ganha o direito de voltar a vencer?
(Foto: Ryan Pierse/Getty Images)

3 comentários:

Patrick Araújo disse...

Eu naum sei se ele desse um tempo no esporte seria o melhor a ser feito!

Problemas pessoas atrapalham a vida profissional de qualquer profissional, eu sei bem disso, já passei na pele!

Eh bastante complicado...

Acho que "um tempo" eh o melhor remédio!

Net Esportes disse...

@Patrick: Depois do ocorrido ele ficou parado um tempão. Quando voltou parou umas duas vezes, por lesão. Ontem ele ganhou a disputa dele e os EUA seguem liderando ... menos mal !!!

Oii, primeira visitinha por aqui o/
Adorei seu blog! Muito fofo...
Estarei comentando seus post!
E seguindo, me segue também!
Território das garotas
@territoriodg
Bjss *-*
http://territoriodascompradorasdelivro.blogspot.com/