Spurs massacram e são os campeões da NBA

12:01 Net Esportes 1 Comments

A primeira rodada dos playoffs da NBA em 2014 foi marcada por um equilíbrio incrível que poucas vezes foi visto. Cinco dos oito confrontos acabaram sendo decididos apenas no sétimo jogo da série. Dois precisaram de seis jogos, um de quatro e apenas um foi decidido com uma varrida. E a equipe que nem deu chance para seu rival naturalmente não poderia ter sido outra. Os então atuais campeões Miami Heat liquidaram rapidamente o pobre Charlotte Bobcats para a tristeza maior de Michael Jordan. Os prenuncios de mais três títulos seguidos de um time estava dando o que falar, mas LeBron James não conseguiu.

Para a alegria de Michael Jordan. Naquela primeira rodada dos playoffs, enquanto a equipe de Miami passeava e aproveitava, outros sofriam e se desesperavam. O San Antonio Spurs precisou de sete partidas para conseguir passar pelo Dallas Mavericks. Não havia adiantado nada ter sido o melhor time da temporada regular com 62 vitórias e apenas 20 derrotas para sofrer contra o oitavo colocado do Oeste que havia perdido 33 vezes na fase de classificação. E as coisas não iam melhorar muito. Portland Trail Blazes não assustou muito, mas o Oklahoma City Thunder queria estragar a festa dos texanos e quase chegou perto de ter a chance de conseguir.

Vitórias por quatro jogos a um e quatro jogos a dois. Era mais ou menos o que vinha fazendo o Miami do outro lado, lá na Costa Leste. Brooklyn Nets não teve a chance de levar Nova York ao topo novamente e Indiana Pacers não conseguiu fazer o que o melhor time da temporada regular tem que fazer. Assim, pelo quarto ano consecutivo, o Miami Heat estava na final da NBA. LeBron James e sua turma buscando o terceiro título consecutivo contra o mesmo rival do ano anterior. Isso não acontecia desde que Michael Jordan comemorou suas duas últimas conquistas contra o Utah Jazz. Mas James acabou não brilhando como antes e ainda por cima viu sua equipe ser massacrada pelo Spurs.

Nem perto de sofrer como na primeira rodada dos playoffs e nem ser ameaçado como na final da Conferência. Nem perto de sofrer um varrida como o rival fizera na primeira rodada dos playoffs, pareciam até o Portland. Todas as vezes que o Spurs venceu em sua história (cinco) Tim Duncan estava lá, campeão em três decadas distintas. Tem também um francês bom de bola, um argentino raçudo e até mesmo um brasileiro, o primeiro brasileiro campeão da NBA. E tem também Kawhi Leonard, o MVP. Na única derrota, o jogo em que o Miami mais fez pontos e o único que o San Antonio não passou dos cem. Era para ter sido um varrida, foi um masscre, e o Spurs é campeão da NBA.

1 comentários:

Ron Groo disse...

É sempre bom ver o Lebrão se ferrar (joga muito, mas...)
E mais legal ainda foi ver Spliter se tornar o primeiro brasileiro com um anel de campeão da NBA.