Bateu e venceu

11:20 Net Esportes 5 Comments

A fórmula 1 não via há algum tempo um GP de Mônaco com chuva e tão movimentado como viu neste domingo, a monotonia de uma prova sempre marcada por confusões e abandonos tomava conta do principado nos últimos anos, mas desta vez foi diferente, com o chão molhado na primeira metade da prova, muitos acabaram batendo, incluindo aí até o grande vencedor.

Com uma ótima largada ele pulou para segundo, mas o que o inglês Lewis Hamilton não esperava era encontrar a proteção e danificar o pneu traseiro, a parada precoce parece ter ajudado o piloto da McLaren que assumiu a ponta quando o brasileiro Felipe Massa fez a sua parada, abriu vantagem e quando retornou aos boxes a chuva já tinha parado e ele tinha vatagem suficiente para voltar ainda em primeiro e manter a posição até o final.

Robert Kubica foi o segundo e Massa acabou em terceiro, depois que a Ferrari mudou a estratégia de duas paradas para uma, aguardando mais chuva que não veio, pior que isso o brasileiro ainda perdeu tempo em suas trocas de pneus e reabastecimento e passou reto na Sainte Devote. O dia foi pior ainda para Kimi Räikkönen, que cumpriu punição e no final ainda bateu em Adrian Sutil da Force India, a alemão estava em quarto em sua melhor prova da vida e ficou incosolável.

Lewis Hamilton voltou a liderança do campeonato marcando seu nome na tradicional e consagrada corrida de Mônaco, o inglês ganha força para a próxima etapa no Canadá dia 8 de Junho, onde saiu como vencedor ano passado. O fim-de-semana agitado em Monte Carlo viu ainda um brasileiro voltar a vencer desde Ayrton Senna em 1993, e foi justamente seu sobrinho Bruno Senna que faturou a GP2 na sexta-feira, e se Massa não deu muita sorte, Barrichello saiu satisfeito, pois marcou seus primeiros pontos depois de 22 corridas no zero. (Foto: Frank Augstein/AP)

- FÓRMULA 1

5 comentários:

Marcus Vinicius disse...

Vi a corrida e o q fez a diferença foi o talento dele!
muito boa a prova
um abraçoo

grande corrida!
uma pena Massa não ter conseguido a vitória depois de ter conseguido a poli.
Mas agora sem o controle de tração as corridas estão muit mais emocionantes e desputadas! Ganhar os grandes prêmios agora não é só uma questão de carro, tem que ser talentoso e ter muita "raça".

legal o blogue, passa lá no meu.

Loucos por F-1 disse...

Foi uma grande corrida de Lewis Hamilton. Massa foi claramente prejudicado pela má estratégia da Ferrari. A briga pelo título mundial ficou muito boa com apenas 6 pontos de diferença do primeiro para o quarto.

Abraços!

Leandro Montianele

Daniel Leite disse...

O que dizer? O Hamilton é bom mesmo! Se a McLaren conseguir um desempenho semelhante ao da Ferrari, nada me tira da cabeça que o inglês será campeão.

PS.: como bem frisou, que bobagem do Raikkonen - acabou com a própria corrida, com a prova do Sutil e perdeu a liderança numa manobra só.

Até mais!

Blog F1-V8 disse...

22 corridas sem pntuar... ainda não tinha contado isso tudo! Quase que ele bate outro recorde!!
Corrida movimentada, emocionante. O campeonato que parecia ser barbada para a Ferrari, começou a embolar! VAmos ver no que isso vai dar!!!