Batalha memorável

17:28 Net Esportes 8 Comments

Final épica no torneio de tênis de Wimbledon, um jogo que durou 4h48min sem contar as paradas por causa da chuva, tendo a maior duração em 131 anos de história, a sagrada grama londrina parecia ter se transformado em saibro e o espanhol Rafael Nadal acabou com o reinado de Roger Federer no All England Club, atingindo um objetivo que buscava a muito tempo.

O suiço tinha 65 vitórias seguidas jogando na grama, além de cinco títulos consecutivos em Wimbledon, chegou na final mais uma vez como favorito mas não esperava uma garra e superação do seu principal oponente no circuito, Nadal podia ter vencido até com mais facilidade, porém o alto nível de ambos transformou a grande final em uma batalha memorável, qualquer um dos dois merecia ter ganho o jogo.

As parciais de 6-4, 6-4, 6-7 (5-7), 6-7 (8-10) e 9-7 definem bem as dificuldades que os dois tiveram em quadra, os erros de Federer porém foram determinantes, como o que fechou a partida, mas o saque potente que lhe rendeu 25 aces, além das boas subidas à rede lhe deram sobrevida, principalmente após a chuva onde acabou vencendo o 3º e 4º sets, mas no final Nadal teve mais força no set sem tie-break e fechou o jogo antes que o cair da noite pudesse adiar mais uma vez a decisão.

Rafael Nadal se tornou o primeiro tenista a ganhar Roland Garros e Wimbledon no mesmo ano desde 1980, quando Björn Borg conseguiu tal façanha, o sueco acompanhou a partida na quadra central de Wimbledon e aplaudiu muito o espanhol, que conseguiu realizar seu grande sonho de vencer na grama de Londres, piso que não é sua especialidade, mas era um grande objetivo que serve para ele se sentir um tenista muito mais completo. (Foto: Clive Brunskill/Getty Images)

- WIMBLEDON

8 comentários:

Daniel Leite disse...

Consegui acompanhar o jogo, ao vivo, pela internet. Nadal impressiona. Ele conseguiu o que jamais eu pensava que pudesse: venceu Federer na grama. Agora, eu acredito: Nadal será o nº 1 do mundo em breve.

Até mais!

breiller disse...

Só discordo de uma coisa. Achei que o Federer foi muito mal nas subidas à rede. Descia a mão na paralela e corria, drop shot e corria, e o Nadal sempre achava um espaço fácil nas subidas dele.

Mas sem dúvidas foi o melhor jogo de tênis que já vi. Nadal teve um psicológico violento para aguentar a pressão no 2 a 2. Mereceu demais o título inédito.

Net responde disse...

@Daniel: Eu também vi pela internet depois que a F-1 acabou, praticamente o dia todo !!!!!! muito bom !!!!

@Breiller: O aproveitamente do Nadal na rede foi melhor (71%) com 22 pontos ganhos em 31 aproximações, mas o que eu quis dizer é que as dubidas do Federer lhe garantiram as vitórias no 3º e 4º set..... com 56% de aproveitamente ele fez 42 pontos em 75 tentados.......... o Nadal ainda errou um subida no match point e uma outra a dois pontos de fechar o jogo.

Vinicius Grissi disse...

Jogo fantástico!
E eu perdi 30 reais. Tinha apostado no Federer...

blog disse...

Assisti ao jogo.
Memorável, lances absolutamente fantásticos.
Lembrou-me os confrontos não menos fabulosos entre Borg e McEnroe.

Só não concordo com a Globo em afirmar que Nadal desbancou Federer.
Acho que o Federer ainda é o melhor.

Carlos Eduardo disse...

Realmente, esse jogo foi histórico.

Deveríamos ter mais confrontos como esse, mas não só no tênis, em outros esportes também!

Felipe Maciel disse...

Realmente o Nadal tá numa fase impressionante, talvez chegando ao ápice da carreira. E teve a humildade de dizer que Federer é o melhor.

Rafael Tupiná disse...

So fa do rafael nadal
nao so pq ele e meu xara e si pelo estilo de jogo dele
o muleke se diverte jogando

da um look no meu blog tbm e veja o q e Simplesmente Espetacular
em....
http://culturatups.blogspot.com/


abraços