Brincando em Pequim

18:13 Net Esportes 5 Comments

Sem muita responsabilidade, esquece da vida ouvindo hip-hop para acalmar os nervos e se delícia com o fast food no restaurante da Vila Olímpica, assim é a rotina da atleta mais jovem em Pequim, Antoinette Joyce Guedia Mouafo, de Camarões, tem apenas 12 anos de 10 meses, um talento precoce da natação que antes de ir à China só havia nadado um vez em uma piscina de 50 metros.

"É incrível estar aqui na minha idade. Estou orgulhosa", disse a atleta mirim que treina na mesma piscina de 22 metros onde aprendeu as primeiras braçadas aos oito anos, os triunfos inesperados fizeram o pai distribuir troféus para parentes cuidarem devido a grande quantidade, seu grande incentivador via o esporte apenas como um hobby, as competições vieram por acaso.

A vaga na Olimpíada também foi inesperada, se sentindo extremamente pequena perto de jogadores de vôlei e levantadores de peso, 'a campeã', como foi apelidada, teve a oportunidade de atuar ao lado de grandes nomes da natação na prova dos 50m livres, em uma das séries estava ninguém menos que Dara Torres, experiente nadadora norte-americana de 41 anos de idade.

Guedia marcou o tempo de 33s59, muito longe da primeira classificada para semifinais Cate Campbell, que registrou 24s20, mas foi sem dúvida um grande momento para a jovem garota que sonha alto, quer treinar fora de seu sofrido país e pode se tornar uma grande campeã um dia, quem sabe se inspirando até em Michael Phelps, que competiu aos 15 anos em Sydney 2000 obtendo um incrível quinto lugar. (Foto: Martin Bureau/AFP)

-
PEQUIM 2008

5 comentários:

Natty disse...

é de pequeno que começa! mta sorte pra atleta!

Sam Šammić disse...

Não sei se é mesmo o sonho ou a vocação dela. De qualquer forma, merece sorte! o/


http://caleidopizza.blogspot.com

Natanael Garcia disse...

show. Infelizmente não tive a oportunidade de acompanhar uma competição dela. Não conhecia ela.

http://beijing2008.efcbrasil.com

Daniel Leite disse...

Eu havia descoberto hoje que Phelps competiu em Sidney! De todo modo, é interessante a marca para Joyce, que poderá disputar pelo menos mais cinco Jogos Olímpicos, até os 32 anos.

Até mais!

Leandrus disse...

Nem sabia que o Phelps tinha ido à Sidney...