Noite mágica no Garden

09:22 Net Esportes 7 Comments

Fundado em 1879, o ginásio Madison Square Garden se tornou com o tempo um dos maiores templos do esporte Mundial, palco de jogos de basquete do New York Knicks e de hóquei no gelo do New York Rangers, o local recebeu também de lendárias lutas de boxe como as de Ali e Frazier, lutas de entretenimentos da WWE, além de shows de música e é claro teve grandes aparições no cinema.

No Natal de 1984, a NBA se espantou com uma atuação incrível de um jogador do Knicks, Bernard King estabaleceu um recorde de pontos marcados por um mesmo jogador no Garden, 60, uma marca tão impressionante que perdurou por longos e longos anos, até a noite de ontem, quando finalmente uma das grandes estrelas do basquete norte-americano quebrou esse recorde.

Mesmo já tendo sido campeão da liga três vezes e até campeão olímpico, eleito MVP e tendo um recorde de 81 pontos em um mesmo jogo, Kobe Bryant não quer parar de fazer história, foi por apenas um ponto mas ele superou Bernard King, marcou 61 na vitória do Lakers sobre o time da casa por 126 a 117, e acabou sendo ovacionado até mesmo pela torcida adversária, que de pé gritava MVP, em uma noite mágica, incrível e inesquecível.

"É uma benção fazer o que você ama e ter momentos como este" disse o ala-armador que superou também a marca de Michael Jordan no lendário ginásio, 55 pontos, sendo esta a 24ª vez que Bryant marcou 50 pontos ou mais em uma mesma partida. O Lakers segue dominando o Oeste e assim como Cleveland, Boston e Orlando na briga pelo título, já Kobe Bryant segue dando show em quadra e assim como James e outros na briga para ser o MVP da temporada. (Foto: Nick Laham/Getty Images/)

- NBA

7 comentários:

Dan Cesare disse...

joga muito...

Carlos Junior disse...

joga mto msm

um dia vai ser o melhor de tds

Olá.."Neil" meu amigo Fábio do Futebol e Discussões me indicou seu blog!!Vim dar uma passada aki e achei mto interessante...pois adoro esporte principalmente futebol...NBA tbm!!!E ae resolvi fazer uma parceria entre nós dois ein?Tu me responde por comentário lah...

ABRAÇOS!
http://culturarock10.blogspot.com/

Leo Pinheiro disse...

Véio, eu me amarro no Kobe. Não entendo pq insistem em compará-lo ao Earving Johnson. Magic ele nunca será, mas...

Como vc mesmo escreveu, não pára de fazer história.

Grande jogador que vai com certeza marcar uma geração...!!!

Leandrus disse...

Sensacional a marca do Kobe Bryant. Impressionante como nos últimos tempos ele tem entendido que é um jogador muito importante para o Lakers e vem jogando demais, claro que com a ajuda dos companheiros (principalmente Gasol) e do Phil Jackson, que consegue extrair o impossível de muito jogador mediano. Merece o título de MVP, mas LeBron James também vem fazendo uma temporada sensacional (se não me engano, acho que ainda não perdeu em casa) e será um concorrente duro. Só vamos ter certeza mesmo de quem será o MVP após a parada para o ASG.

Com a contusão do Bynum, Kobe terá que atuar ainda melhor. E será que dá?

Daniel Leite disse...

Na temporada passada, logo após a contusão do Bynum, Kobe marcou 48 pontos. Agora, ests 61. Ele parece querer responder a possíveis indagações a respeito do futuro dos Lakers sem seu pivô titular.

Nesse sentido, é impressionante a forma como ele escolhe se quer marcar um caminhão de pontos, ou distribuir a bola. Se não me engano, contra os Knicks do "maluco" Mike D'Antoni, ele só efetuou três assistências (e também acho que ele não pegou nenhum rebote). Mas, quando se faz 61 pontos, não há do que reclamar.

Até mais!