França é do Brasil

11:55 Net Esportes 2 Comments

Em uma piscina olímpica, com distância de 50m, o Brasil viu um recorde mundial ser batido lá no ano de 1982, Ricardo Prado estabelecia nos 400 m medley a melhor marca do mundo na época, 4min19s78 em Guaiquil, no Equador, passaram-se então 26 anos para que outro brasileiro pudesse conseguir a façanha mais uma vez, Felipe França, na prova dos 50m peito, com o detalhe de ter nascido cinco anos após o feito de Prado.

Ele não nega que o o supermaiô Jaked tenha contribuindo um bocado, mas se defende falando que daqui a um ano haverão maiôs muito melhores que esse, mas a verdade é que no fundo o que importa mesmo é a marca de 26s89 que registrou na prova ontem, um pouco abaixo da obtida neste sábado, 27s25, mas desta vez era a grande final, e valeu a medalha de ouro no Troféu Maria Lenk, além da vaga para o Mundial de Roma, em julho.

Além de Ricardo Prado, Maria Lenk também bateu recordes mundiais nas provas de 400 m peito e 200 m peito em 1939, Manoel dos Santos foi recordista mundial nos 100 m livre em 1961 e José Fiolo no 100m peito em 1968, já na piscina curta são seis recordes mundiais entre 1993 e 2007, mas na piscina longa fazia muito tempo que não ocorria, e Felipe França, do Brasil, consegui, um feito histórico aos 22 anos de idade, o garoto promete. (Foto: Satiro Sodré/CBDA)

2 comentários:

Loucos por F-1 disse...

Esta é uma marca muito importante para a natação brasileira que já fez bonito nas olimpíadas e agora aparece novamente com o Felipe França.

Abraços!

Leandro Montianele

MMA SLAM disse...

Afinal o maiô "Lazer" foi banido?

Obs: aceita parceria?