Mais monótono impossível

10:45 Net Esportes 3 Comments

O GP da Turquia teve apenas dois abandonos, quase nenhum carro quebra, bate forte ou provoca a entrada do safety car, os motores não quebram e ninguém faz nada errado a ponto de ser punido com a famosa passagem pelos boxes, a corrida acaba assim sendo muito monótona, que foi uma das promessas do piloto inglês Jenson Button para toda a temporada, pior para os fãs que querem ver ação, melhor para o líder do campeonato que só sabe vencer.

Falta muito para ele ser o campeão, mas a chamada 'sorte de campeão' já o acompanha sem dúvida alguma, Button não largou em primeiro mas contou com um erro de Vettel para assumir a ponta logo na primeira volta, viu o adversário mudar a estratégia para tentar superá-lo mas acabou mostrando a ele e a todos uma verdadeira aula de pilotagem, vencendo sem qualquer probema e ainda quebrando o tabu de nunca um pole-position ter perdido o GP da Turquia.

E se a sorte está totalmente do lado de Button, o mesmo não se pode dizer do seu companheiro de equipe, o brasileiro Rubens Barrichello, que viu o carro morrer na largada, ficou para trás, bateu duas vezes em tentativas de ultrapassagens nos raros momentos agitados da corrida, abandonou na primeira vez que a Brawn GP ficou seu pontuar, e com isso se distanciou do companheiro na briga pelo campeonato ficando 26 pontos atrás, sendo que Vettel, terceiro hoje atrás de Webber, se aproximou na briga pelo vice-campeonato.

Monótona ou chata, a Fórmula está maravilhosa e perfeita para Jenson Button, para a Brawn GP e para todos os ingleses, que vibram junto com o piloto que vibra e comemora muito cada uma de suas conquistas, a sexta conquista em sete disputas, sendo terceiro na única vez que não foi primeiro e deixando claro que muito mais ainda vem por aí, pois o carro é confiável e não entrou em decadência. Ele parece disputar um outro campeonato alheio aos que disputam os outros carros, mesmo que por enquanto a separação entre as equipes e a FIA ainda não tenha ocorrido. (Foto: Mustafa Ozer/AFP)

3 comentários:

Raphael Oliveira disse...

Até então o campeonato vinha sendo bem disputado, algumas incertezas, bastante disputa, mas a corrida de hoje conseguiu ser mais monotona do que o GP de Mônaco onde não dá pra passar, mas dia 21 tem mais espero que ela volte ao normal deste ano, pq se voltar ao normal dos ultimos tempo fica complicado assistir.

Silvio Peters disse...

Me disseram aqui que o Rubinho completou agora de noite a última volta.

O cara que dá a bandeirada agradece por finalmente poder ir pra casa jantar.

Alexandre Silva disse...

/\
||
||
hauhauahuahauauhauhauha...sacanagem

Cara, será que voltamos a era Schumacher? A hegemonia Button agora exige alguém que o desafie. Isso é que é interessante, quem será o candidato a peitar Button?
Espero que esse ano ainda este nome apareça

Qto a Rubinho... nada a declarar. O cara tem o melhor carro da disputa pela 2ª vez na carreira, não consegue fazer bonito em nenhuma delas e adora dar desculpa...

http://falandoprasparedes.blogspot.com