O vôo de outro pássado

20:44 Net Esportes 0 Comments

Apenas 11 vezes desde 1985 um cavalo conseguiu o feito extraordinário de vencer as três míticas provas da Triple Crown do turfe norte-americano, o último foi Affirmed no ano de 1978, Big Brown teve a chance no ano passado quando venceu duas, mas em 2009 as atenções não ficaram voltadas apenas aos cavalos, as grandes estrelas destas corridas, e sim àqueles que os conduzem, os jockeys, mais especificamente em um deles.

Tudo começou no Kentucky Derby, a primeiras e mais importante das três provas, Mine That Bird, que era um verdadeiro azarão, venceu de forma surpreendente, e em seu dorso quem o levou à glória foi o entusiasmado Calvin Borel, um jockey carismático que passou a ser o centro das atenções no Estados Unidos, as circunstâncias não o deixaram montar Bird novamente no Preakness Stakes, sorte de Rachel Alexandra.

Borel fez a diferença e depois de muito tempo uma égua triunfou na segunda prova da Triple Crown, Mine That Bird ficou em segundo lugar e Borel ficou perto de uma conquista inédita na história, poder ser o primeiro jockey à conseguir a tríplice coroa montando pelo menos dois cavalos diferentes, feito que nunca foi conseguido nem por donos ou treinadores dos tão bem cuidados animais que fazem esse esporte, mas o sonho terminou neste sábado.

Calvin Borel estava novamente em cima do surpreendente Mine That Bird, em um belo final de tarde na cidade de Nova York, muita expectativa e toda a torcida ao seu lado, mas o que ele não esperava era outro pássaro em seu caminho, um pássaro do verão, Summer Bird surgiu voando de forma surpreendente e venceu o Belmont Stakes, montado por Kent Desormeaux, que estava no comando de Brown no ano passado a voltou a triunfar, acabando com o grande sonho de Borel. (Foto: Al Belo/Getty Images)

0 comentários: