Os esportes em Vancouver II

08:44 Net Esportes 4 Comments

Sports News - January 10, 2010
Seja fazendo um 'skibunda' nas dunas de Natal, no Rio Grande do Norte, ou mergulhando ladeira abaixo a bordo de um carrinho de rolemã, o importante é descer uma uma superfície íngreme a toda velocidade, essa necessidade de adrenalina sempre existiu no Brasil e em toda parte do mundo, até em lugares frios e gelados, como nas montanhas cobertas de neve, uma característica típica da cidade suiça de St. Moritz, que já no longínquo ano de 1897 começou a praticar o Bobsleigh, um dos esportes de inverno que estará presente nos Jogos Olímpicos de Vancouver 2010.

Conhecido também como Bobsled, esse esporte consiste basicamente em descer por uma pista de gelo sinuosa e estreita especialmente construída para a competição através de um trenó que pode atingir velocidades de até 140 Km/h, as disputas são feitas por equipes masculinas de quatro componentes e em duplas tanto masculinas quanto femininas, as mulheres não formam equipes e só conseguiram chegar aos Jogos recentemente em 2002, talvez pelo fato de ser um esporte muito perigoso, onde hoje os trenós são seguros e os competidores usam toda proteção necessária, mas nem sempre foi assim.

No começo do século passado quem se aventurava montanha abaixo literalmente colocava sua vida em risco, o trenó não era fechado em forma de cokcpit como é hoje e os competidores não tinha capacetes e nem qualquer outro equipamento de proteção, os Jogos Olímpicos de Inverno de 1924 foram os primeiros a contar com o Bobsleigh em sua programação, sendo que já em 1932 foi introduzida a modalidade com apenas dois competidores controlando o trenó, já em Salt Lake City finalmente as mulheres começaram a competir, restando agora apenas espaço para elas competirem em equipes, algo que não vai ocorrer em Vancouver.
Sports News - January 10, 2010
Faltará a equipe de mulheres mas pelo menos haverá as duplas femininas, o que não vai faltar porém e muita emoção nesse esporte perigoso e espetacular, com os trenós voando a mais de 100 Km/h e trazendo uma adrenalina incrível no ambiente gelado das Olimpíadas de Inverno, os competidores estarão preparados com suas sapatilhas especiais de 600 agulhas para correr no gelo e dar o máximo de impulsão no seu trenó, em busca da maior velocidade possível na pista cheia de curvas e retas incríveis, tudo para fazer o menor tempo possível dentre todos que terão apenas um objetivo em comum, trazer de lá a tão sonhada e idolatrada medalha de ouro olímpica. (Foto: ZumaPress via PicApp)

4 comentários:

Vinicius Grissi disse...

Essa parada deve ser uma adrenalina impressionante. Os trenozinhos são muito rápidos e o controle sobre ele é muito pequeno.

Só queria entender o porque do nome.

Net Esportes disse...

@Vinicuis: Não sei porque ele passou a ser chamado de Bobosleigh ao invés de Bobosled, porém pelo que andei vendo "Seled" é o nome do trenó, e "Bob" é uma expressão que significa "agitar" ou "sacudir", visto que no começo os atletas não corriam empurrando o trenó para dar impulsão e tinha que sair praticamente parados, por isso tinham que fazer o "Bob" !!!!

Brasil Empreende disse...

Ola visitei seu blog e gostei muito e gostaria de convidar para acessar o meu também e conferir a 6ª postagem da série: Seleções Rumo à África
Sua visita será um grande prazer para nós.
Acesse: www.brasilempreende.blogspot.com
Atenciosamente,
Sebastião Santos.

André Augusto disse...

O bobsled ficou imortalizado no "Jamaica abaixo de Zero". É bem bacana.