O Domínio continua ou termina

15:42 Net Esportes 1 Comments

Shannon Briggs (L) of the U.S. shouts beside WBC boxing champion Vitali Klitschko of Ukraine at the official weigh-in for their WBC Heavyweight Championship boxing bout in Hamburg October 15, 2010. Klitschko and Briggs will fight in a WBC title bout in the northern German town of Hamburg on October 16, 2010. REUTERS/Christian Charisius (GERMANY - Tags: SPORT BOXING)
Da lenda Rock Marciano aos tempo de Muhammad Ali e Joe Frazier, o boxe peso pesado chamava a atenção do mundo até pouco tempo atrás, quando viu George Foreman, Mike Tyson, Evander Holyfield e Lennox Lewis escreverem a história com seus punhos de aço. Hoje no entanto a popularidade da categoria máxima que sobre em cima dos ringues não está tão alta como já esteve em outros tempos, mesmo assim quem ainda encontra tempo para acompanhar algumas lutas conhece ou já ouviu falar de um sobrenome que vem dominando praticamente tudo, o Klitschko. Seja o irmão mais novo Wladimir Klitschko ou o mais velho Vitali Klitschko, donos de três dos quatro principais cinturões que qualquer lutador gostaria de ter, um domínio que a cada luta coloca uma dúvida nos fãs e torcedores: ele continua ou termina?

Wladimir Klitschko tem uma forma física mais confiante e um cartel de lutas bem mais extenso que o do irmão mais velho. Além de estar com 34 anos de idade, cinco a menos que Vitali. E se não bastasse, além de namorar a belíssima atriz Hayden Panettiere, ele ainda detém dois dos principais cinturões dos pesos pesados, o da Federação Internacional de Boxe e o da Organização Mundial de Boxe. A mãe dos lutadores já vetou um confronto entre ambos e de fato isso jamais vai acontecer, portanto conquistar o cinturão do Conselho Mundial de Boxe só será possível quando, ou se por acaso, Vitali perdê-lo em alguma das lutas que faz desde 2008 quando conquistou o cobiçado título. Fazendo com que enquanto os dois seguirem vencendo, vão continuar dominando o peso pesado do boxe mesmo que esse domínio todo pudesse ser um pouco maior do que já é.

Se alguém por acaso não conhece algum dos irmãos Klitschko, então com certeza jamais terá ouvido falar do britânico David Haye. Um lutador que é justamente o dono do único cinturão dos quatro mais importantes que não está nas mãos da família Klitschko. Uma luta entre os dois brothers é praticamente impossível de acontecer mas parece até que um combate entre um deles com Haye é mais impossível ainda. O lutador do Reino Unido tirou o título da Associação Mundial de Boxe que era do gigante Nikolai Valuev e desde então já o defendeu duas vezes, porém nenhuma delas sendo uma luta digna onde teria alguma chance de ser derrotado. E tanto Wladimir como Vitali também seguem a sua saga de defesas até que uma luta onde os cinturões possam estar realmente em jogo seja marcada, sendo que mais um desses encontros acontecerá neste sábado e Vitali terá que lutar contra um novo rival e um fantasma, a aposentadoria.
WBC boxing champion Vitali Klitschko of Ukraine poses on the scale after his weight was called out at the official weigh-in for his WBC Heavyweight Championship boxing bout against Shannon Briggs of the U.S. in Hamburg October 15, 2010. Klitschko and Briggs will fight in a WBC title bout in the northern German town of Hamburg on October 16, 2010.REUTERS/Christian Charisius (GERMANY - Tags: SPORT BOXING)
Nem passa por sua cabeça se aposentar mesmo que já esteja com quase 40 anos de idade, porém perder uma luta depois de 42 combates e 40 vitórias sendo 38 por nocaute pode mudar seus planos, o cinturão estaria perdido e uma luta contra David Haye ficaria totalmente fora de cogitação. Remar tudo novamente não parece algo que Vitali faria pois muito provavelmente iria dedicar seu tempo para ajudar o irmão ser o maior campeão de todos os cinturões. Para evitar isso, manter o domínio da família nos pesos pesados do boxe e ainda sonhar com a unificação ele precisará vencer o último campeão americano Shannon Briggs, 58 lutas, 51 vitórias e 45 nocautes. Um adversário com um visual um tanto quanto bizarro que fez inúmeras provocações ao rival. Vitali Klitschko não lhe deu ouvidos, preferiu apenas dizer que merece ter o cinturão que já foi de Mike Tyson, Lennox Lewis e Mohamed Ali, os lutadores que já dominaram os pesos pesados como ele e seu irmão dominam atualmente. (Fotos: Christian Charisius/Reuters via Picapp)

1 comentários:

Caramba não conhecia nenhum desses irmãos muito menos o haye, mas pelo texto muito bem escrito, até me interessei pelo assunto.

grande abraço.

www.bloginoportuno.blogspot.com

Bons Ventos!!