Os dez recordes inquebráveis

18:41 Net Esportes 21 Comments

Net Esportes, esportes, blog de esportes, recordes inquebráveis do esporteAo longo de muitos anos o esporte viu inúmeros feitos incríveis como os mil gols de Pelé, porém esse recorde teria sido igualado por Romário e quem disse que Arthur Friedenreich já não havia feito? Sem falar nos 100 gols do goleiro Rogério Ceni, nos 297 jogos consecutivos de Brett Favre como titular na NFL e no recorde incrível de 46 vitórias seguidas de Guillermo Vilas no tênis. Mark Spitz havia ganhado sete medalhas de ouro na mesma edição de uma Olimpíada, mas em 2008 seu compatriota Michael Phelps acabou superando seu recorde ao faturar oito medalhas de ouro. As grandes marcas esportivas foram feitas para serem quebradas, porém existem alguns desses recordes, principalmente se tratanto de uma sequência de feitos, que parecem ser insuperáveis, e foram classificados pela Real Clear Sports como as "Dez sequeências inquebráveis do esporte".

Martina Navratilova - Se conseguir ser campeão em Roma como foi em Madrid, Novak Djokovic chegará a 39 vitórias consecutivas e estará perto da marca obtida por Vilas. Mas quando se trata de vitórias consecutivas no tênis ninguém supera a lendária Martina Navratilova, que conseguiu nada a menos do que 74 triunfos seguidos em 1984, período em que venceu 13 competições incluindo três Grand Slam. A jogadora só foi superada na semifinal do Aberto da Austrália e seguida de perto apenas por Steffi Graf que conseguiu 66 vitórias seguidas. Sem dúvida alguma um recorde inquebrável porque recentemente Serena Williams conseguiu 'apenas' 35 vitórias seguidas.

Johnny Unitas - As regras da NFL mudam constantemente, tudo para que o jogo aéreo seja mais praticado do que o violento jogo terrestre, mas mesmo assim uma marca jamais será quebrada no Futebol Americano. Desde seu jogo de estréia em 1956 e durante as quatro temporadas seguintes Johnny Unitas conseguiu pelo menos um passe para touchdown em cada uma das 47 partidas que atuou em sequência. Na época o jogador declarou que "os registros são feitos para serem quebrados", só que isso não deve acontecer nunca. Brett Favre tem a segunda maior seqüência como em 36 jogos e Dan Marino é o terceiro com 30 jogos. Drew Brees é o líder dos ativos com 27.

Éric Gagné - Desse recorde Mariano Rivera deve ter muita inveja. Por incrível que possa parecer o save não era registrado como estatística no beisebol da MLB, logo esse esporte que consegue mostrar com precisão vários números do começo do século passado. Assim restou a Éric Gagné, jogador que começou sua carreira no Los Angeles Dodgers em 1999, conseguir entre os anos de 2002 e 2004 a marca de 84 jogos seguidos salvos, ou seja, entrar para arremessar a garantir a vitórias da sua equipe. Perto dele só Tom Goron com 54, mostrando que parece ser mais um inquebrável.

Edwin Moses - Ele começou sua carreira no 110 metros com barreiras, 400 metros e revezamento 4 x 100, mas foi nos 400m com barreiras que Edwin Moses conseguiu um dos feitos mais impressionantes do esporte. Em dez anos ele conseguiu nada a menos do que 122 vitórias seguidas, incluindo 107 finais. Ninguém ganhou tantas corridas de pista em sequência na história quanto Moses. A dura derrota após nove anos, nove meses e nove dias veio em 1987, quando foi superado pelo colega americano Danny Harris. Depois de Edwin Moses aparece outro grande nome do atletismo, Carl Lewis, com 65 vitórias seguidas.

Julio Cesar Chavez - Hoje vemos Floyd Mayweather Jr. com 41 vitórias seguidas no boxe, mas se recusando a lutar com Manny Pacquiao, o único que supostamente poderia vence-lo. Nos pesos pesados Rocky Marciano conseguiu 49 vitórias seguidas, número ameaçado recentemente, porém jamais superado. Mesmo assim a maior sequência de vitórias no boxe vai muito além disso, ela pertence a Julio Cesar Chavez, que entre 1980 e 1993 conseguiu a incrível sequência de 87 vitórias consecutivas até o empate com Pernell Whitaker. Depois disso ainda ganhou outras duas e finalmente foi superado Frankie Randall em 1994, lutador que ele derrubou na luta seguinte. Chavez encerrou a carreira com 107 vitórias, 89 nocautes, seis derrotas e dois empates.

Jerry Rice - Qualquer um dos recordes anteriores deficilmente será quebrado, mas o de Jerry Rice certamente nunca será superado. Johnny Unitas iria gostar de jogar com Jerry Rice, pois de 1985 até 2004 ele jamais passou um jogo sequer sem pelo menos receber um passe, sem fazer ao menos uma recepcção em um jogo que atuou. Quando o Oakland Raiders perdeu para o Buffalo Bills no dia 19 de setembro de 2004 e o mundo viu Jerry Rice passar em branco e mal podiam acreditar, a sequência mágica de 274 jogos seguidos fazendo uma recepção estava terminada, após 19 anos, mas com certeza que ninguém vai conseguir superar, mesmo porque o mais próximo que chegaram foi 160.

Wayne Gretzky - Ele foi reverenciado até no seriado "Todo Mundo Odeia o Chris", onde seu nome Gretzky foi escrito errado na camisa do irmão de Chris. Tudo porque Wayne Gretzky foi sem dúvida alguma um dos maiores jogadores na história do Hóquei no Gelo da NHL, e não é por menos, já que entre os anos de 1984 e 1985 conseguiu a impressionante sequência de 51 jogos consecutivos marcando pelo menos um gol em cada partida, na verdade um ponto, já que o gol nesse esporte é chamado de Score pelos americanos. Recentemente Sidney Crosby, o melhor jogador da atualidade, conseguiu 25 jogos e seguidos, e próximo de Gretzky só Mario Lemieux que conseguiu a façanha por 46 partidas seguidas.

Byron Nelson - O golfe vive uma época estranha, principalmente porque o melhor jogador da atualidade parou de ganhar títulos. Tiger Woods tem inúmeras vitórias no currículo, ainda busca o recorde de 18 Majors conseguido por Jack Nicklaus, mas certamente jamais vai superar uma outra marca histórica obtida por Byron Nelson em 1945. O jogador pode até ter aproveitado o período fraco devido à Segunda Guerra Mundial, as ausências de Snead e Ben Hogan e outros fatores, mas isso pouco importa para ele, pois sua sequência de 11 títulos seguidos em 11 torneios do PGA jamais foi superada até hoje, para se ter uma idéia Woods conseguiu seis e depois sete títulos seguidos, e isso foi quando ele ganhava, algo que não acontece mais hoje em dia.

Cal Ripken - Uma esperança para que um dia as marcas citadas até aqui sejam quebradas é o recorde de Cal Ripken. O jogador de beisebol conseguiu entre os anos de 1982 e 1998 a incrível marca de atuar em nada a menos do que 2632 jogos consecutivos, é a maior marca da história, que acabou superando a marca de um lendário jogador do Yankees, Lou Gehrig, o atleta que havia feito 2130 jogos seguidos por sua equipe. Para se ter uma idéia Gehrig é o único jogador com mais da metade dos jogos conseguidos por Ripken, depois deles só aparece Everett Scott com 1307, ou seja, dessa vez parece mesmo que esse recorde jamais será quebrado novamente.

Joe DiMaggio - Para finalizar as maiores sequências esportivas e inquebráveis da história, o recorde de conseguir pelo menos uma rebatida válida durante 56 jogos seguidos obtido pelo lendário e épico Joe DiMaggio no beisebol da MLB. O New York Yankees jamais esquecerá de um dos seus maiores jogadores, um jogador que conseguiu essa marca com algum tipo de sorte segundo constataram os especialistas, já que foram feitas simulações e mesmo o próprio Joe DiMaggio levaria 18519 anos para fazer o que fez novamente. Mesmo assim a história fala o contrário, porque depois que a sequência de 56 partidas seguidas rebatendo foi quebrada, DiMaggio ficou apenas um jogo sem rebater, conseguindo voltar à sua rotina em seguida por mais 16 jogos. Próximo dele só Pete Rose em 1978, com 44 jogos seguidos.

21 comentários:

Anônimo disse...

faltaram os inúmeros recordes do kelly slater.

Net Esportes disse...

É que do Slater não foi em sequência.

Daniel disse...

Meu querido, meus parabéns, excelentíssimo post, gostei DEMAIS!!! Como pelo visto você é muito antenado em esportes, te sugeriria fazer um post de times que não ganham nada à muito tempo, caso do Chicago Cubs por exemplo, que acho que não ganha um título da World Series desde o começo do século passado, acompanharei o blog, parabéns mais uma vez, até a próxima.

binho disse...

Cadê do anderson silva?

Oscar Gutierrez disse...

Acho que Rocky Marciano também deve ser colocado na lista, ele teve 49 vitórias e nunca perdeu ou empatou! Foi o inspirador para o filme Rocky do Sylvester Stallone.

Net Esportes disse...

@Daniel: Muito Obrigado pelo comentário Daniel, obrigado também pela sugestão ... com relação ao Cubs já falamos sobre eles nos post "Histórias do Beisebol II" -

Dê uma olhada

http://netesporte.blogspot.com/2008/11/histrias-do-beisebol-ii.html

@binho: O Anderson Silva parece que tem 14 vitórias seguidas, não sei se é o recorde na MMA, mas não entrou na lista original do site que a fez.

@Oscar Gutierrez: Sou fã do Rocky Marciano, mas o Julio César Chavez teve 87 vitórias seguidas, é o recorde, por isso ele está e o Marciano não, mesmo assim como o Marciano fez isso no peso pesado, ele acaba até sendo citado no texto, sem dúvida jamais será esquecido em qualquer lista como esse. Temos também a história de Rocky Marciano:

http://netesporte.blogspot.com/2011/02/historia-de-rocky-marciano-boxe.html

WickerMan disse...

Fedor Emelianenko ficou 10 anos invicto no MMA.... Anderson Silva ainda tem mais alguns anos pra chegar no que o Fedor fez, o que eu acho que nenhum lutador consiguira...

Net Esportes disse...

@WickerMan: Muito Obrigado pela participação e contribuição com as informações.

Anônimo disse...

Pelé?????????????????

Net Esportes disse...

@ANônimo: Pelé foi citado no inicio do texto, seu recorde 1000 gols não foi em sequencia e já foi quebrado inclusive.

João disse...

Post muito interessante..mas na minha opinião faltou o grande judoca Yasuhiro Yamashita, com 559 lutas sendo 528 vitorias, 16 empates e 15 derrotas. Nunca perdeu para um japones e, suas derrotas foram qdo tinha apenas 19 anos ou menos.
Ao disputar as olimpíadas de Los Angeles (1984 se nao me engano) mesmo com o pé quebrado ele ganhou medalha de ouro..detalhe, ele nao queria q seus adversários soubessem para q nao se sentissem humilhados..um exemplo de bravura e humildade!!

Net Esportes disse...

@João: Muito obrigado por seu comentário e sua participação João. Lembrando apenas que a lista não foi feita por mim, e no caso do Yasuhiro Yamashita eu apurei que foram 203 vitórias, porém com 7 empates entre elas, ou seja, um empate já interrompe a sequência .... resta saber apenas qual o número de vitórias maior dessa sequência até haver um empate e ainda saber se ele é o recordista ... se for realmente merecia estar na lista.

Net Esportes disse...

ATUALIZANDO: Johnny Unitas foi superado por Drew Brees no final de 2012.

rtlira80 disse...

Romário não quebrou o recorde do Pelé, ele "teria" chegado aos mil gols, como o Pelé, (teria pois parece que na contagem ele incluiu até gol de pelada na praia com os amigos)Pelé fez mais de 1200 no total, que aliás nem é recorde pois outro brasileiro Arthur Friedenrich fez mais de 1300, nos primórdios do futebol no Brasil.

Net Esportes disse...

@rtlira80: Exatamente prezado leitor. Por isso mesmo eu escrevi "teria sido igulado" e na sequência perguntado de uma forma indiscutível se o Friedenreich já não havia feito antes. O detalhe é que citei isso apenas como uma forma de introdução, pois o post fala de recordes em sequência. No caso do futebol teria que ser marcar gols em tantos jogos seguidos ou o goleiro não tomar gols em tantos jogos seguidos. Obrigado pelo comentário, abs.

Unknown disse...

Mas o j.c.chavez foi o maior de todos os tempos

Julio César chavez teve uma carreira incrível em 94 tinha um cartel de 89 vitórias e 0 derrotas sendo 37 defesas de título campeão em 3 categorias diferentes lutando sempre com os melhores.

Net Esportes disse...

@Adams: Obrigado pelo comentário Adams.

ATUALIZANDO: Foi comentado em algum momento sobre o Chicago Cubs. Eles venceram a World Series após 108 anos. Foi em 2016.

Net Esportes disse...

ATUALIZANDO: Floyd Mayweather Jr. chegou a 49 vitórias seguidas e se aposentou. Ele enfim fez também a esperada luta contra Manny Pacquiao.

Douglas Faustino disse...

E o Frank Diux com 56 nocaute seguidos ?

Net Esportes disse...

@Douglas Faustino: Muito obrigado pelo comentário e contribuição Douglas.

Você tem alguma fonte das informações? As artes marciais tem competições oficiais com Federações e Confederações?

Estou pensando em refazer esse post que é muito antigo, precisa de atualizações. Alguns recordes eram inquebráveis, mas foram quebrados!