FIA manda, mas não muda

11:05 Net Esportes 4 Comments

Com uma belíssima manhã de sol neste domingo em Valência, na Espanha, muito provavelmente vários donos daqueles belíssimos e luxuosos iataes, cuja manutenção anual deve custar mais caro que o dobro do dinheiro que muita gente vai levar a vida inteira para ganhar, teve vontade de sair para um passeio no mar Mediterrâneo, solicitando assim que a moderna ponte Swing fosse aberta para que sua embarcação pudesse seguir viagem e o dia fosse bem aproveitado desde cedo. Mas havia um problema, hoje não era um domingo qualquer, era justamente o único domingo do ano que a ponte não abre assim a qualquer hora, mesmo porque com o fluxo normal de veículos nem deve mesmo abrir quando um magnata qualquer resolve sair para passear. Hoje era dia do GP da Europa de Fórmula 1, na Fórmula 1 dono de iate não manda nem em Mônaco, na Fórmula 1 quem manda é a a FIA e ela fecha pontes e muda regras quando quiser.

Parecia até uma repetição do ano de 2009, quando Jenson Button, à bordo da Brawn GP, quase viu o campeonato ir por água abaixo quando a FIA descobriu o famoso difusor traseiro que a equipe inventou e resolveu proíbi-lo, querendo forçar um equilíbrio maior entre todos os competidores. Depois do GP da Turquia, a Brawn só conseguiu vencer duas vezes com Rubens Barrichello, mas apesar da freada forçada de quem realmente manda na Fórmula 1, e que também deve ser dono de muitos iates como o pessoal de Valência, Button se manteve firme e forte e acabou mesmo sendo o grande campeão naquele ano. Agora em 2011 a história aparentemente parecia estar se repetindo, já que a equipe Red Bull vinha dominando de forma gigantesca bem no ano que inventaram tantas besteiras para dar equilíbrio, e assim a FIA não teve dúvidas em tentar frear novamente quem ganha tudo dessa forma.

O engraçado é que ninguém tentou frear a Ferrari na época que Michael Schumacher ganhava tudo. Mas a Brawn e a Red Bull não podem, então descobriram um tal de mapeamento do motor diferente entre os treinos de classificação e a corrida, que estava dando muita vantagem para o carro de Sebastian Vettel. Dessa vez não é só a Red Bull que tem algo diferente como tinha a Brawn, mas o detalhe é que Adrian Newey é um grande gênio e o mapeamento, que faz o carro ficar mais acelerado mesmo quando o piloto não pisa no acelerador, aumentando assim a pressão aerodinâmica, acabou dando muito mais resultado na Red Bull, e segundo a FIA era por isso que estavam andando bem mais que os outros. De fato a atitude da equipe fere o regulamento, pois mexem no carro entre o treino e a corrida, porém a mudança é feita à distância, por computador, e isso nada mais é do que encontrar uma brecha no regulamento. Se não houvesse tantas regras exageradas e confusas talvez não houvesses brechas para serem aproveitadas.

O milionário não pode mandar a ponte abrir, mas a FIA pode mandar uma equipe parar de fazer o que estava fazendo. Só que desta vez não aconteceu exatamente o mesmo que aconteceu em 2009, desta vez a Red Bull e Vettel estão voando e dominando porque estão realmente muito à frente dos outros, não só por um mapeamento do motor diferente nos treinos que já lhe garantiu sete pole-positions em oito corridas, e sim porque o carro é realmente imparável e é por isso que ele ganhou seis provas em sete disputadas, sendo que suas duas únicas derrotas vieram por um erro da equipe e um erro dele mesmo, fazendo com que mesmo assim terminasse na segunda colocação. Sebastian Vettel não abre pontes, ele abre passagem e abre caminho rumo a mais um título da Fórmula 1, ganha em Valência e dispara no campeonato, porque a McLaren ficou um pouco para trás e a Ferrari melhorou um pouco, tudo quase igual ao que vem acontecendo, porque a FIA manda, mas não pode mudar uma história que está sendo escrita muito mais por competência do que aproveitamento de um brecha em um regulamento que ela mesmo fez e ela mesmo deixou as brechas para serem aproveitadas. (Por: Net Esportes Foto: Mark Thompson/Getty Images)

4 comentários:

Marcelonso disse...

Nem mesmo na base da "canetada absurda" a FIA vai conseguir manter o campeonato aberto por muito tempo.

A Red Bull(leia-se Vettel) estão em outra esfera.

A corrida deste domingo, não pelo passeio de Vettel, o que já é normal, mas por tudo que não proporcionou foi horrivel.

abs

Net Esportes disse...

@Marcelo: Eu acho que falei no seu blog, gosto de corridas agitadas, mas F-1 é muito o que aconteceu neste domingo, isso é normal pra mim, aliás acho que o Vettel fez uma corrida excelente, pelo fato do Alonso ter passado o Webber, inclusive com o Webber recuperando a posição e perdendo novamente, ou seja, o se o Vettel não foi ameaçado é porque ele foi perfeito ... isso pra mim não faz a corrida ser horrível, é diferente de uma corrida com chuva, ultrapassagens, batidas, a tal emoção, mas particularmente não considero horrível, considero normal com detalhes para serem vistos e analisados de outra forma.

Valeu o comentário, abraço.

Ron Groo disse...

Sabe, até muda... Mas é que Vettel e a Red Bull vencem todos: Adversários, traquitanas, regulamentos e até a FIA...

Os homens estão com tudo.

Net Esportes disse...

@Ron Groo: Pois é Groo, escutei falar até que no próximo GP daria mais resultado, mesmo assim ainda acho que o Vettel vai seguir dominando ... por aquele jogo limpo da Red Bull no ano passado eu acho que eles até merecem mesmo muito ganhar tudo desse jeito.