Stosur e juíza vencem Serena

09:20 Net Esportes 2 Comments

Samantha Stosur vence US Open tenis 2011Vendo a tenista americana Serena Williams após o jogo, sentada ao lado de Samantha Stosur e conversando com a australiana como se estivesse tomando um café na Starbucks da Quinta Avenida, fica muito difícil imaginar o que aconteceu durante a partida final do US Open, o que aconteceu em 2009 com a jogadora local. Foi a dois anos na semifinal em Flushing Meadows contra Kim Clijsters, Serena não gostou da marcação feita pela juíza de linha e gritou com ela, acabou sendo multada em US$ 82.500 mil dólares e alertada para que esse tipo de incidente não voltasse a acontecer, sob o risco de uma multa ainda maior se ocorresse até 2011, e acabou acontecendo no último jogo de 2011.

Está nas regras, é muito claro e se a arbitragem tem coragem marca, mesmo contra uma jogadora que está atuando em sua própria casa. Serena Williams já havia perdido o primeiro set, não estava conseguindo se encontrar no segundo, e soltou um grito de comemoração do ponto antes mesmo que o ponto fosse totalmente consolidado. Não pode, uma atitude como essa pode desestabilizar a adversária e impedir que ela tente fazer alguma coisa para evitar o pior. A juíza grega Eva Asderaki não hesitou e advertiu a americana, sob intensa vaia e protestos da torcida, a fazendo perder o seu game de serviço e literalmente colocando fogo na quadra Arthur Ashe, incendiando o jogo e causando uma polêmica ainda maior do que a ocorrida em 2009.

Se prepare Serena Williams porque a multa vai ser mais alta desta vez, pois já estava previsto que a reincidência até 2011 valeria US$ 175 mil dólares, sem contar as ofenças proferidas durante o intervalo dos games, onde disse à juiz coisas como "que fracassada!" e "se passar do meu lado no corredor, não olhe para mim"; No final do jogo Serena nem comprimentou a juiza. Toda essa tensão só serviu para apimentar um pouco mais a final feminina do último Grand Slam do ano que estava bem morna, Serena levantou a torcida, esquentou de vez e finalmente conseguiu entrar no jogo, quebrando o serviço da rival, mostrando porque já ganhou tantos títulos na carreira, porque chegou na final sem ter perdido nenhum set, pelo menos até a australiana voltar para o jogo.

Um primeiro set relativamente fácil, parcial de 6-2, Samantha Stosur não podia deixar escapar a maior chance de sua vida, não poderia acontecer o que aconteceu na final de Roland Garros do ano passado. A australiana volta a jogar bem depois que a poeira da polêmica com a juiza passou, volta a mostrar seu belo jogo com excelentes bolas cruzadas, passadas espetaculares quando Serena subia à rede, o match point demora um pouco para ser concluído, mas finalmente a maior glória de sua carreira é conquistada aos 27 anos de idade. A experiência fez a diferença, uma diferença que a dinamarquesa Caroline Wozniacki espera conseguir fazer em um futuro próximo, quem sabe até contra Serena que lhe derrotou na semifinal, esperando um desequilíbrio da rival contra a juíza, essa lição a americana não consegue aprender nunca. (Foto: Emmanuel Dunand/AFP/Getty Images)

2 comentários:

Patrick Araújo disse...

Os americanos devem ter ficado um pouco bolados vendo a atleta do seu país sendo derrotada, em casa e ainda numa data que pra eles representa mais do que nunca o seu patriotismo, que já falei aki alguma vezes eh mais fora do que noral, eh algo absurdo... Parabéns pra Samantha que além de linda joga mto bem...

Net Esportes disse...

@Patrick Araújo: Sem dúvida Parick, inclusive no final dava para reparar as arquibancas quase totalmente vazias quando a austrliana estava recebendo a taça !! Mas a Serena é assim quando ta jogando, coisa de tenista, fora das quadras pelo menos na impressão ela parece ser muito simpática.