Vonn tem um início arrasador

17:18 Net Esportes 0 Comments

Lindsey VonnA vibração, o sorriso, a alegria e um mergulho no chão branco e coberto de neve são inevitáveis. Já faz algum tempo, mas parece que foi outro dia mesmo. Na verdade foi no final do mês de março, em Lenzerheide, na Suiça, com etapas canceladas, com apenas três pontos de diferença na classificação geral e o título perdido. Isso, no entanto, não significou o fim do mundo para a esquiadora americana Lindsey Vonn, afinal ela havia sido campeã da Copa do Mundo de Esqui Alpino em três anos seguidos, e além do mais estava sendo derrota por muito pouco, sendo a campeã justamente sua amiga Maria Riesch. Sem contar que está com 27 anos e ainda tem mais para fazer nas montanhas geladas, ainda tem provas que nunca venceu, ou pelo menos tinha até este sábado histórico.

De março até outubro. Assim como no ano passado a Copa do Mundo de Esqui Alpino começou em Sölden, na Áustria. Viktoria Rebensburg estava lá novamente, pronta para conseguir uma vitória em uma descida onde é especialista, mas faltou superar uma rival. Vonn também estava, sem grandes espectativas, se recuperando de uma queda nos treinamentos e fazendo apenas o quinto tempo na primeira descida. Muito tempo depois de perder o título por apenas três pontos, muito pouco tempo até chegar à glória que esperava muito alcançar um dia, mas não nesta tão importante montanha austríaca. Desta vez Riesch ficou bem para trás e Lindsey Vonn à frente de qualquer adversária no Giant Slalom pela primeira vez em sua carreira, se tornando a quinta esquiadora na história a vencer as cinco disciplicanas do esqui.

Mas como Vonn foi campeã geral três anos seguidos se ela jamais havia vencido uma prova de Giant Slalom? Simples, existem outras quatro modalidades, onde em pelo menos duas delas a americana é especialista, além de outra onde consegue bons resultados que lhe garatem inclusive o título da mesma na temporada. Lindsey Vonn já venceu o Downhill 21 vezes, levou o Super G em 14 oportunidades e já faturou dois Slalom´s e quatro Super Combinados. Nunca havia vencido o Giant Slalom, nunca até este sábado, alguns meses depois de se lamentar ela encontra motivos para comemorar mais um feito inédito em sua carreira, se juntando a Petra Kronberger, Pernilla Wiberg, Janica Kostelic e Anja Paerson, as únicas esquiadoras que venceram todas as descidas do esqui alpino em todos os tempos. (Foto: Alexander Hassenstein/Bongarts/Getty Images)

0 comentários: