Futebol Americano da NCAA

17:57 Net Esportes 0 Comments

Neste momento, quando começo a escrever esse texto, Nebraska está vencendo a Penn State por 17 a 7. Para quem não faz idéia do que se trata, eu explico: Esse é apenas um dos inúmeros jogos de futebol americano universitário que estão sendo realizados nos Estados Unidos neste sábado. Todos eles contam com juízes rigidos, estádios lotados e transmissão ao vivo pela TV (estamos falando de ESPN). Até o esporte de High School tem grande importância, imagina só o de Universidade, a última caminhada até chegar ao profissionalismo, até abrir as portas da NFL. A prova disso foi a notícias que deu o que falar durante toda a semana, envolvendo a Penn State, envolvendo umas das figuras mais notáveis do futebol americano universitário dos EUA.

Seu nome Joe Paterno, ele tem 84 anos de idade e uma carreira de dar inveja até em sir Alex Ferguson. Tudo porque foi o técnico da Universidade da Pensilvânia por, acreditem vocês ou não, 46 anos sem interrupções. Nesse período todo foram apenas dois títulos nacionais e mais três de conferência, sendo apenas estas as cinco vezes que venceu a divisão. Mas Paterno era competente e responsável e todos o respeitavam, porque o time sempre jogava bem e principalmente porque venceu inúmeros Bowls, além de raramente a equipe terminar o ano com o número de derrotas maior que o núemro de vitórias. Com uma torcida eufórica e enlouquecida, Penn State acaba de marcar um touchdown, diminuindo a vantagem do rival para 17 a 14, só que após 46 anos Joe Paterno não está lá para ver isso de perto.

Um dos maiores casos de pedofilia do futebol americano, e aconteceu na Penn State. Não teve haver diretamente com Joe Paterno, foi a equipe técnica da universidade, bem como a direcção desportiva da mesma. O adjunto Mike McQueary testemunhou perante um júri que viu o colega Jerry Sandusky abusar de um rapaz, nos chuveiros. Coordenador defensivo dos Penn State Nittany Lions há 23 anos, Sandusky foi acusado de abuso sexual de menores, onde houve mais de 20 vítimas, ao longo de quase 20 anos. Paterno foi informado por McQueary, avisou a direção, mas a opinião pública o acusa de omitir informações para proteger a instituição, fazendo com que ele deixasse o seu cargo de tantos anos. Protestos nas ruas, aulas interrompidas, polícia sendo acionada para conter os ânimos. A importâncias do futebol americano universitário é gigantesca.

A versão americana de notícias do Google tem como destaque principal a Peen State. No twitter o assunto foi trading topics durante toda a semana praticamente, fazendo inclusive o ator Ashton Kutcher viver um momento inusitado. O atual astro do seriado "Two and a Half Men" escreveu "Como vocês demitem o Jo Pa?", sendo repreendido em seguida por diversos de seus oito milhões de seguidores. O marido de Demi Moore ainda não sabia do ocorrido, pediu desculpas e admitiu o erro. Ninguém sabe ao certo se Joe Paterno está ou não envolvido diretamente com o escândalo triste e revoltante, se apenas mentiu sob juramento ou simplesmente omitiu provas. O que todos sabem é que ele está fora da Penn State após 46 anos, e que o futuro do time agora nas mãos Tom Bradley é incerto, pois certo mesmo só o placar final do jogo contra Nebraska que acabou de terminar, derrota por 17 a 14. (Foto: Arquivo)

0 comentários: