Os dez maiores duelos de Londres 2012

16:18 Net Esportes 2 Comments

As Olimpíadas de Londres 2012 já vão começar e prometem muitas disputas acirradas e emocionantes. A história do esporte terá mais um capítulo escrito e contará com muitas grandes provas, com alguns destes duelos em particular tendo de tudo para serem incríveis e inacraditáveis. Será que ganha Phelps ou Lochte nas piscinas? Será que Bolt consegue não ser superado por seu compatriota? Será que algum favorito perde para um azarão ou nem veremos as disputas entre eles? Será que a China fica na frente no quadro geral de medalhas ou da Estados Unidos? As respostas virão logo, a partir de amanhã, quando já tem disputa valendo ouro. Só um pode ser vencedor, só o melhor irá ficar com a primeira posição na capital inglesa.

01. Phelps X Lochte
Seis medalhas de ouro em Atenas e oito medalhas de ouro em Pequim 2008. Michael Phelps se tornou o maior atleta das piscinas e precisa de apenas mais três medalhas para se tornar o maior atleta olímpico de todos os tempos, superando a ginasta Larisa Latynina. A tarefa será fácil, pois Phelps participará de sete provas. O problema é que os Estados Unidos não são favoritos no revezamento 4x100 metros e Phelps não é o favorito em todas as suas disputas individuais. Tudo porque dessa vez ele tem um rival à sua altura, justamente seu compatriota e amigo Ryan Lochte que promete deixa-lo para trás nos 400 metros medley e também ser um dos destaques em Londres 2012.

02. Bolt X Blake
Três medalhas com três recordes mundiais nos Jogos de Pequim 2008 e o feito repetido no Campeonato Mundial do ano seguinte. Usain Bolt ganhou tudo e ganhou o mundo, mas depois disso passou a ter problemas com noitadas, acidentes de carro e ainda o surgimento de um rival que além de tudo é seu compatriota e treina junto com ele. Yohan Blake fará contra Bolt um dos maiores duelos de Londres 2012 prometendo desbancá-lo pelo menos uma vez, seja nos 100 metros ou nos 200 metros rasos. Algo que inclusive já conseguiu nas eliminatórias jamaicanas.

03. Cavendish X Sagan
Os problemas são antigos, envolve equipes e ex-equipes, mas o que vale é o sprint final após longos e intermináveis quilômetros pedalando. O Tour de France acabou no último domingo, mas a disputa sobre as duas rodas continua quente. Peter Sagan conquistou a camisa verde por antecipação, mas viu Mark Cavendish se tornar o maior velocista da história e ainda igualar o recorde de vitórias na última etapa em Paris. Em Londres 2012 o tira-teima deste duelo incrível, exceto se alguma fuga der certo e acabar com qualquer expectativa.

04. China X Estados Unidos
Será que depois de competir em casa a Cinha manteve sua força e evolução nos esporte? A resposta para essa dúvida virá em Londres 2012. E para que o grande feito se repita, a China precisará bater de frente, muito mais do que em Pequim 2008, com o maior vencedor de todos os tempos, ninguém menos que os Estados Unidos. Eles acreditam que por estarem competindo em um ambiente muito mais familiar, falando a mesma língua, poderá levar vantagem. Querem recuperar sua hegemonia perdida, querem terminar com mais medalhas de ouro no quadro geral. Será que os chineses vão deixar?

05. Bryant X Gasol
Depois da grande final em Pequim 2008, todos esperam que Estados Unidos e Espanha duelem na decisão do basquete em Londres 2012. O problema é que a Argentina vem crescendo muito e o Brasil se reencontrou para tentar surpreender. Sem contar a Grã-Bretanha jogando em casa. Kobe Bryant é coadjuvante em meio às estrelas LeBron James, Kevin Durant e Carmelo Anthony, assim como Gasol divide as atenções com seu irmão Marc Gasol e Jose Calderon. Mas Kobe e Pau jogam no Los Angeles Lakers, são companheiros de time, e naturalmente deixam esse duelo muito mais apimentado. Desde que se encontrem em Londres pelo menos.

06. Walsh e May X Larissa e Juliana
Não foi exatamente porque Juliana e Larissa não puderam competir juntas em Pequim 2008 que as americanas Kerri Walsh e Misty May-Treanor ficaram com o título. As duas já haviam sido campeãs juntas em Atenas 2004 e formam uma das maiores duplas de vôlei de praia feminino de toda a história. Mas agora em Londres 2012 as coisas podem ser diferentes. As brasileiras Juliana e Larissa estarão lado a lado e prometem fazer o seu melhor, prometem ir contudo para cima das atuais bicampeãs e fazer história, fazer o que poderiam ter feito quatro anos atrás, levar a tão sonhada medalha de ouro olímpica.

07. Isinbayeva X Murer
A musa russa do salto com vara viveu momentos ruins após Pequim 2008, se afastou por um tempo das competições, mas aos 30 anos de idade está de volta aos Jogos Olímpicos mais forte do que nunca. Com duas medalhas de ouro nas costas, ela quer encerrar sua carreira em grande estilo, quem sabe até batendo o recorde mundial mais uma vez. Ninguém chega aos seus pés, mas talvez a brasileira Fabiana Murer chegue até as unhas de seus dedos. Campeã indoor, desta vez tomando o cuidado para não perder suas varas. Nesse esporte tudo pode acontecer, até mesmo em uma Olimpíadas, e Sergei Bubka, grande ídolo de Isinbayeva, sabe muito bem disso. Esse é mais um duelo que promete.

08. Federer X Djokovic
As Olimpíadas de Londres 2012 acontecerão no mesmo lugar onde ocorre todos os anos o torneio de Wimbledon, e o torneio de Wimbledon de 2012 já aconteceu este ano. Quem venceu foi o suíço Roger Federer, se tornando o maior favorito para o ouro olímpico. Mas mesmo que Andy Murray, seu rival na decisão de Wimbledon 2012, esteja competindo nos Jogos, mais uma vez com o apoio da torcida, o maior duelo dessas Olimpíadas poderá ser Roger Federer contra Novak Djokovic. Principalmente devido à desistência de Rafael Nadal. O que todos esperam é que eles se encontrem em quadra.

09. Alex Morgan X Marta
A frustante derrota na semifinal da Copa do Mundo de futebol feminino e as constantes decepções brasileiras diante das americanas. O Brasil sempre teve os Estados Unidos como uma Argentina no futebol feminino, e conforme o tempo passa a rivalidade fica ainda mais evidente. Desta vez a já veterana Marta poderá travar um duelo com a “futura” Marta do futebol, pelo menos é isso o que promete a jovem Alex Morgan de apenas 23 anos que no ano passado marcou 29 gols em 43 jogos atuando pela seleção de seu país. Infelizmente essa possibilidade só existe se Brasil e Estados Unidos se enfrentarem, melhor ainda se for brigando pelo ouro.

10. Oscar Pistorius X Mundo
O Mundo todo estará apoiando sem dúvida, mas todos os seus adversários dos 400 metros rasos estarão correndo contra ele. Com as duas pernas amputadas aos 11 meses de idade, o sul-africano Oscar Pistorius fará um duelo contra seus próprios limites acima de tudo. Ele foi impedido de competir em Pequim 2008 porque o acusaram de levar vantagem com sua próteses feitas em fibra de carbono. Mas quatro anos se passaram e ele venceu o primeiro duelo. E como melhor representante de seu país está pronto para fazer bonito em Londres 2012, se chegar à semifinal já poderá ser considerado um grande vencedor.

2 comentários:

Confesso estar muito curioso e apreensivo diante de Pistorius. Phelps já dançou, como vimos. E, sinceramente, acho que no vôlei de praia,sucumbiremos.

Saudações!!!

Patrick disse...

Quero ver e muito o Oscar Pistorius correndo nessas olimpiadas... Acho que poderia ter colocado esse duelo dele contra o mundo em primeiro, pela sua importância e polemica ao mesmo tempo!

Espero que a Marta, a Murer, a Larissa e Juliana saiam vencedoras de seus duelos, rsrsrsrs, e tragam a medalha para o Brasil. Não vai ser fácil, mas naum eh impossivel!