Para Adam Vinatieri decidir partidas é rotina

14:51 Net Esportes 3 Comments

Nas arquibancadas do Lucas Oil Stadium mais de 63 mil torcedores estão de pé, preocupados, totalmente apreensivos. Você nunca escolhe a mulher por quem irá se apaixonar, mas tem o poder de decidir por qual time irá expor todo o seu amor e sua paixão incontrolável. Uma vida dedica à ferradura, ao azul e ao branco, ao time de futebol americano de Indianapolis. O Indianapolis Colts, o Colts campeão nos anos de 1950 e 1960. O grande Colts que levou os Super Bowls de 1970 e 2006. O então Colts de Peyton Manning, que a muito já não conta mais com os serviços do exímio quarterback. Mas esse ano não pode ser como o ano passado, esse ano tem Andrew Luck, esse ano a sorte está ao lado dos fanáticos apaixonados.

Com o coração na mão eles mal podem acreditar no que estava acontecendo diante de seus próprios olhos. A pré-temporada não foi das melhores, Luck ainda tem muito o que aprender, ele será um dos grandes um dia, por um bom tempo, talvez um longo tempo, mas depois de perder na estréia tudo o que ele e os torcedores queriam era pelo menos vencer em casa. Marcando touchdowns com  Dwayne Allen e Reggie Wayne. Liderando o placar com folga, sem ver o rival Minnesota Vikings fazer um ponto que fosse no terceiro quarto. Só que todos estão de pé roendo suas unhas porque no último quarto o time de Christian Ponder resolveu jogar, marcando dois touchdowns, empatando tudo e deixando os nervos ainda mais à flor da pele.

De seus 39 anos de idade, 17 foram dedicados ao futebol da bola oval. Dos quatro Super Bowls que já venceu, dois deles vieram dos seus pés, nos segundos finais da partida. Quanto ao Hall da Fama não resta dúvidas, mas talvez seja possível ir além, talvez seja possível dizer que Adam Vinatieri seja o maior kicker de toda a história da NFL. Um field goal de 26 jardas no segundo quarto e outro de 45 jardas no terceiro quarto. Distâncias significativas, mas nada de mais para quem acerta chutes de mais de 50 jardas, sendo que 57 jardas é o seu recorde. Nada de mais para quem já havia até então decidido 24 jogos com um field goal nos segundos finais da partida. Isso não é para qualquer um, é exclusividade de Vinatieri.

O que a defesa não fez para evitar o empate, foi feito pelo quarterback novato quando restavam apenas 26 segundos de jogo. Andrew Luck revelou mais tarde à Vinatieri que tudo havia sido muito estressante, e o veterano apenas riu da situação. Talvez porque ele nunca demonstre stress ou preocupação, talvez porque ele seja mesmo frio e cauculista ou talvez seja porque já havia vivido a mesma situação por tantas e tantas outras vezes. Pode ser também porque Luck havia feito o necessário, havia colocado Vinatieri na marca de 53 jardas, para ele fazer o que sabe, chutar reto e garantir mais três pontos, garantir a vitória. Um alívio no coração de milhares de torcedores, restando apenas oito segundos de jogo. Tão simples quanto um Kickoff, porque para Adam Vinatieri decidir partidas é uma rotina. (Foto: Andy Lyons/Getty Images)

3 comentários:

Luiz Paulo Knop disse...

Andrew Luck parece algo próximo do espetacular. A minha dúvida é se isso já se converterá em muitas vitórias agora ou se será mais pra frente...
E Vinatieri... bom... esse você descreveu bem: o melhor da história

Luiz Paulo Knop
resenhaespportiva.com

É...o tal de Vinatieri dispensa comentários. São atletas como ele que fazem do futebol americano o sucesso que é hoje, até fora dos EUA.

Saudações!!!

Patrick Araújo disse...

Alguns atletas são diferenciados no esporte...

Por isso que algumas palavras como craque, mito, espetacular estão banalizadas no mundo do esporte... Eh um ou outro que merecem esses adjetivos...