Assim como em Highlander, só pode haver um

14:42 Net Esportes 0 Comments

Cabeças não precisaram rolar, para a tristeza da Rainha de Copa. Mas mesmo assim, como no filme Highlander, no final só pode haver um. Apenas um piloto poderá ter o privilégio de se tornar neste domingo o grande campeão da atual temporada de Fórmula 1 de 2014. De um lado está o britânico Lewis Hamilton, do outro está o alemão Nico Rosberg. No GP de Abu Dhabi, aquele que começa durante o dia e termina no início da noite que chega com mais uma volta do planeta, os ânimos estarão à flor da pele e a vontade de cortar a cabeça do rival explodirá em emoções que só mesmo Michael Schumacher poderia mostrar, como fizera em 1997, do que alguém pode ser capaz de fazer em um momento como esse.

Na briga pela pole-position, quem saiu na frente foi Nico. Ele quer igualar o feito do pai e entrar para a história da Fórmula 1. Para tanto precisará vencer e torcer para que seu adversário não termine a corrida na segunda colocação. O ano de 1982 pode ser reescrito por um filho obstinado que jamais desistiu de seu objetivo. A tarefa, no entanto, não será nada fácil, pois Hamilton, campeão em 2008 para a tristeza de Felipe Massa e outros brasileiros equivocados por 30 segundos, vai largar em segundo lugar e promete brigar muito pela vitória para fechar com chave de ouro mais uma conquista na categoria máxima do automobilismo.

No final só poderá haver um. Apenas um dos dois será o grande campeão. Após uma temporada longa e interminável que só mostrou uma coisa durante esse tempo todo: Apenas um carro, a Mercedes, competiu de igual para igual consigo mesmo. Nem Ferrari e nem mesmo a campeã dos últimos quatro anos Red Bull, ninguém teve chance e quem conseguiu chegar quase lá foi a Williams, por incrível que possa parecer. Na Fórmula 1 o carro faz uma diferença imensurável e às vezes o trabalho do piloto fica restrito apenas em decidir se quem levanta a taça é você ou o seu companheiro de equipe que por enquanto ainda está com a cabeça em cima do pescoço.

0 comentários: