O gás de Nadal acabou antes?

16:14 Net Esportes 0 Comments

Primeira rodada em 2013 e segunda rodada agora em 2015. Já faz um tempo que Rafael Nadal não tem jogado bem o torneio de Wimbledon. Em 2014 e 2012 também foi eliminado precocemente. O espanhol não é tão ruim assim de grama quanto os números recentes, ou os do início da carreira, podem dizer. No total foram cinco finais na grama sagrada de Londres e dois títulos conquistados. Somados a mais dois US Open e um Aberto da Austrália, Nadal alcança a incrível marca de 14 títulos de Grand Slam na carreira, graças aos seus inacreditáveis nove troféus de Roland Garros. Ele simplesmente tem o mesmo número de conquistas que Pete Sampras, que fora o recordista durante vários anos até ser superado por Roger Federer em 2009.

O suiço ainda teve gás para mais três vitórias. Uma ainda em 2009, outra em 2010 e mais uma façanha em 2012. Federer ainda joga, ainda não foi eliminado na atual edição de Wimbledon e ainda da muito trabalho aos 33 anos de idade. Sua última conquista foi com 31, um último suspiro, mas o seu gás de imbatível acabou mesmo entre os 28 e 29 anos. E essa é exatamente a idade que Nadal tem atualmente em 2015. Será que o gás de Nadal acabou antes do gás de Federer? O último título de Nadal foi Roland Garros do ano passado. Nem mesmo o seu torneio favorito ele conseguiu vencer esse ano. As últimas finais sem ser na França foram na Austrália em 2014 e 2012. O último bom ano foi em 2013 com a conquista do título em Nova York.

São apenas cinco títulos sem ser em Roland Garros, e nem Roland Garros ele está conseguindo vencer. Rafael Nadal tinha tudo para pelo menos alcançar Federer em 17 conquistas, mesmo que só conseguisse ser campeão no saibro. Se não conseguir ganhar nem no saibro, onde nem mesmo Novak Djokovic conseguiu ser campeão depois de derrotá-lo, a vida de Nadal não será muito fácil depois dos 30 anos, quando o gás naturalmente vai acabando para qualquer tenistas. Federer ainda teve um suspiro aos 31 anos, pelo menos essa pode ser uma esperança para Nadal voltar a vencer no seu piso favorito, assim pelo menos pode sonhar em chegar nos 17.

0 comentários: