Talvez seja mais fácil em 2011

08:49 Net Esportes 4 Comments

Na verdade em 2010 não foi nada fácil, o título veio apenas na última corrida, sendo que ainda haviam outros dois pilotos na briga com muito mais chances de serem campeões do que ele. Mesmo assim o alemão Sebastian Vettel, assim como talvez o seu companheiro de equipe Mark Webber, poderiam ter dado um fim no campeonato bem antes por conta do potente carro que tinham em suas mãos. Nenhum do dois fez isso porque houve liberdade da equipe Red Bull para um duelo interno, que culminou em péssimos resultados, houve certa imaturidade por parte de um dos pilotos mais jovens da Fórmula 1 que quase evitaram que ele se torna-se o campeão mais jovem de todos os tempos. Esses erros certamente Vettel não vai querer repetir em 2011, um ano que ele começou com o pé direito na Austrália, conquistando uma belíssima vitória.

Conseguiram criar uma grande expectativa, primeiro porque o GP do Bahrain foi cancelado e prolongou a espera pelo início das corridas, e depois porque a Fórmula 1 de 2011 foi tratada como uma "nova Fórmula 1", contando com a volta do Kers, asa móvel e penus novos. O Kers acabou de certa forma anulando a asa móvel, a Red Bull inclusive se deu ao luxo de nem usá-lo, já os novos pneus serviram apenas para fazer o que o reabastecimento fazia até 2009, ou seja, aumentar o número de paradas nos boxes. Isso para a FIA talvez fosse uma forma de trazer mais emoção para a corrida, mais riscos, só que no fundo acabou trazendo apenas mais paradas nos boxes, menos para a Sauber, que só parou uma vez e gannhou várias posições, pelo menos até ser declassificada por irregularidades e ver que tanto esforço havia sido em vão.

Sergio Pérez e Kamui Kobayashi fizeram muito esforço, mas talvez não tanto como Jenson Button ou Mark Webber, os pilotos com bons carros que não conseguiram acompanhar seus companheiros de equipe. Lewis Hamilton chegou em segundo lugar com o carro danificado, e se mostrou por hora ser o único que pode acompanhar o ritmo incrível de Vettel. O atual campeão foi impecável no treino de classificação, e parece nem ter feito força na corrida, literalmente passeou no circuito de Albert Park, em Melbourne, mostrou como é fácil fazer a sua Red Bull mais uma vez projetada com perfeição por Adrian Newey ser o carro mais potente, mais preciso, um carro que tem tudo para ser o melhor em todas as corridas, fazendo o ano de 2011 ser ainda mais fácil do que o ano de 2010.

Será que pode haver algum problema para que 2011 não seja um ano fácil para Sebastian Vettel? Claro que sim, seu domínio absoluto foi espetacular, mas foi apenas a primeira corrida do ano, sua instabilidade emocional pode voltar no decorrer do ano, um ano longo que terá ainda mais 18 corridas e inúmeras possibilidades. Os asversários também tendem a melhorar ao longo da temporada, a Ferrari pode se recuperar e a McLaren já mostrou do que é capaz. Existe também chances para Mark Webber, que não parecia estar correndo em casa e mostrou no ano passado ser capaz de duelar de igual para igual, além da grande surpresa Lotus Renault, a Lotus preta já que existem duas Lotus com motor Renault no grid, a Lotus que era para ser de Robert Kubica, piloto que no passado chegou em segundo lugar, e que nesse ano viu sua equipe lhe dar apoio e aquele que seria seu companheiro, Vitaly Petrov conquistar o primeiro pódio na carreira provando do que são capazes também. (Foto: AFP PHOTO / Paul CROCK)

4 comentários:

Marcelonso disse...

Foi uma corrida abaixo das expectativas, até porque acreditava-se numa competitividade e disputas que não aconteceram.

A Red Bull sem quebrar, liquida esse campeonato com algumas provas de antecedencia se a concorrência não reagir.

A Ferrari com trocentos e tantos milhões de metros em testes não viu que esse carro devora borracha que nem louco?

A McLaren passou batido os vermelhos e passa a ser a esperança em barrar os rubrotaurinos.

Quanto ao Vettel, penso que não carrega mais o peso da obrigatoriedade de vencer , e assim corre mais tranquilo.
Afinal já faturou um caneco.

Já Webber, voltou a ser o piloto que sempre foi, alternando momentos de zero from hero.

abs

Net Esportes disse...

@Marcelonso: Concordo com você Marcelo, a Red Bull já poderia na minha opinião ter feito isso ano passado e se manter a calma ou não quebrar como você falou leva o título de pilotos e construtores com muita antecedência .....

Cerveja com F1 disse...

Não conhecia o net esportes até hoje. Muito legal e com uma grande quantidade de conteúdo. Terei bastante o que ler essa tarde. Obrigado pela visita no cerveja com F1. Grande abraço.

Net Esportes disse...

@Cerveja com F1: Eu que agradeço meu caro, espero que goste da leitura.