Todos esperam por seu retorno

14:04 Net Esportes 5 Comments

Quando em 2006, com apenas 24 anos de idade, o nadador australiano Ian Thorpe anunciou sua aposentadoria, era muito mais difícil acreditar que tal decisão seria definitiva do que realmente ver que o fim precoce de sua carreira estava mesmo acontecendo. Nove medalhas olímpicas sendo cinco de ouro, quantas mais o torpedo poderia ter se tivesse competido em Pequim 2008? Como teria sido o duelo contra Michael Phelps? Será que o americano teria conseguido seu recorde? São perguntas difíceis de responder, ou que poderão ser respondidas nas Olimpíadas de Londres 2012, porque Ian Thorpe anunciou recentemente seu retorno, aposentar antes da hora nem sempre é uma opção que dura para sempre.

Um outro grande exemplo de quem foi antes da hora e depois retornou é o ciclista Lance Armstrong, seu retorno não lhe rendeu os mesmos frutos que ele colhia antes de parar, mas serviu poara mostrar que parar antes de hora nem sempre é um bom negócio, tanto que ele e Ian Thorpe retornaram. A mesma situação aconteceu com Michael Jordan na NBA, recentemente com Yelena Isinbayeva que preferiu chamar a parada de pausa e não de aposentadoria, já que tinha certeza que iria retornar. Além das tenistas belgas Kim Clijsters e Justine Henin, sendo que a primeira voltou para fazer mais do que havia feito antes da primeira aposentadoria, mas sua compatriota sofreu uma lesão e se viu obrigada a se aposentar definitivamente do circuito mundial de tênis.

Em outros casos os atletas insitem em não parar de jeito nenhum, caso do jogador de futebol brasileiro Romário, ou ainda o eterno quarterback na NFL Brett Favre, hoje com 41 anos de idade e oficialmente aposentado até resolver mudar de idéia novamente. Muitos vão mais do que seu corpo aguenta e outros vão antes da hora, sendo obrgados a retornar em breve para mais um período que às vezes pode ser bom, mas às vezes pode ser ruim também. E se não bastasse tantos casos diferentes, existem também os casos de lesão e problemas pessoais que podem interromper temporariamente a carreira de um atleta, esses foram os casos da tenista Martina Hingis e do golfista Tiger Woods, sendo que o retorno de ambos acabou sendo terrível.

Hingis já desistiu faz tempo, Woods ainda tenta reencontrar o seu prestígio. A terefa que a suiça teve parece até a sina de algumas tenistas, como Monica Seles que foi apunhalada por um fã durante um jogo e teve que ficar afastada dois anos, e mesmo sem a mesma confiança de antes ela voltou a jogar e conquistar muitos títulos. Hoje o drama de ser obrigada a parar por problemas de saúde é da americana Serena Williams, vítima de uma embolia pulmonar na semana passada, que a fez ser operada às pressas para a retirada de coágulos de sangue nos pulmões. A tenista não jagava a quase um ano devido à uma lesão e agora o mundo espera anciosamente por seu retorno, assim como sempre esperou o retorno daqueles que param por opção antes da hora e também daqueles se veêm obrigados a parar por um tempo que não deveriam.

5 comentários:

Dino disse...

oi achei o esse site pelo brasil boston red sox ja que vocês tem uma parceria mais o site deles não aparecem aqui por que?

fernandinho disse...

realmente seu blog e bom

Net Esportes disse...

@Dino: O link está em nossa página de parcerias chamada 'Clubes Irmãos' segundo link da linkbar.

@fernandinho: Muito Obrigado.

Daniel disse...

ah ta e como fernandinho disse seu blog é muito bom

Net Esportes disse...

@Daniel: Muito Obrigado.