Campeões 2020: Joey Chestnut

11:48 Net Esportes 0 Comments

A competição de comer cachorros-quentes deste ano mudou um pouco por cauda da Pandemia de COVID-19 que assola o mundo todo. O tradicional local do lado de fora do restaurante Nathan´s Famous, com seu escaldante calor sempre acima dos 30 graus, mudou para um aconchegante local fechado com ar condicionado. Não havia mais o público entusiasmado, apenas os competidores esfomeados. Os juízes ficaram afastados e protegidos, e nem as belas garotas com as placas de contagens estavam presentes. Cada comedor competitivo ficava no seu espaço, com uma proteção de acrílico em cada lado. Os cachorros-quentes chegavam em bandejas aos poucos, e para Joey Chestnut dez em cada prato era muito pouco.

A competição nem parece a mesma, mas Chestnut continua o mesmo. O devorador de cachorros-quentes ataca novamente. No começo do ano, em sua própria casa, ele pediu por Delivery e comeu nada mesmo que 32 big mac´s do McDonald´s em apenas 38 minutos. Com as mudanças ele já previa que iria estabelecer um novo recorde mundial para cachorros-quentes, restando apenas saber qual seria essa nova marca. É difícil até imaginar que sua primeira vitória mal passava de 60 unidades quando a disputa era de 12 minutos. Agora em 10 minutos ele faz muito mais do que isso.

Nos últimos segundos ele se esforça ainda mais. As salsichas entram em sua boca de duas em duas, o pão é encharcado no refrigerante e desce de uma vez só até seus estômago triturador de comida. Se tudo estiver dentro da boca até o final do tempo está valendo, e assim ele consegue a incrível nova marca. Joey Chestnut comeu 75 cachorros-quentes e superou os 74 que havia comido em 2018. O segundo colocado mal chega nos 40 e perderia até para a vencedora da competição feminina que comeu 45 unidades.

0 comentários: