Os maiores salários do esporte em 2018

11:23 Net Esportes 0 Comments

maiores salarios do esporte
Todos os anos a revista Forbes divulga a lista com os maiores salários do esporte nos últimos 365 dias. Desta vez a lista trouxe uma grande polêmica, pois pela primeira vez desde 2010 não há uma representante das mulheres entre os 100 mais bem pagos do último ano. Isso acabou gerando uma revolta em Maria Sharapova que soltou o verbo em uma entrevista após sua eliminação no torneio de Roland Garros. A musa russa não gostou de ter ficado de fora desta vez e criticou a forma como a lista é feita. O problema é que a jogadora não fez muito para merecer tanto no último ano, já que está retornando de uma suspensão por doping. Serena Williams era um outro nome que poderia representar as mulheres, mas ela também esteve afastada no último ano por conta de sua primeira gravidez. Assim sendo o problema não é a lista em si, mas àqueles que pagam aos atletas e que não valorizam as mulheres da forma como deveria ser.

1. Floyd Mayweather Jr.
U$ 285 Milhões
BOXE
O lutador de boxe Floyd Mayweather Jr. sempre que aparece na lista está na primeira posição. Foi assim em 2012, em 2013, em 2014 e em 2015. Depois disso ele desapareceu porque havia se aposentado com 49 vitórias e nenhuma derrota. Sua retirada foi digna, afinal ele havia empatado o recorde com a lenda dos pesos pesados Rocky Marciano. Mas depois de dois anos afastado ele resolveu voltar por uma luta com cifras milionárias após o desafio de Conor McGregor. O resultado foi mais uma vitória e muito mais dinheiro no bolso. Apenas uma luta foi suficiente para ser o mais bem pago do ano.

2. Lionel Messi
U$ 111 Milhões
FUTEBOL
Por vários anos a lista dos maiores salários do esporte priorizava os esporte individuais. Isso vem mudando um pouco ou se equilibrando no últimos anos. Ninguém dúvida que Messi é um dos melhores jogadores da atualidade e merece reconhecimento financeiro por isso, mas sua ascensão na lista ainda não foi suficiente para lhe garantir o primeiro lugar. Em 2012 Messi estava em oitavo lugar, no ano seguinte ficou fora dos dez primeiros, mas em 2014 pulou para terceiro, atrás de Cristiano Ronaldo. Em 2015 foi quarto, depois segundo e terceiro no ano passado, sempre atrás do português. Este ano ele finalmente ultrapassou Ronaldo, mas então foi surpreendido pelas bolsas estratosféricas do boxe.

3. Cristiano Ronaldo
U$ 108 Milhões
FUTEBOL
O Real Madrid ganhou tudo mais uma vez e como não poderia ser diferente Cristiano Ronaldo foi o destaque da equipe. A escalada do jogador português na lista é semelhante à de Messi, com a diferença de que ele não ficou fora dos dez em 2013 e assegurou a primeira posição nos dois últimos anos como o mais bem pago do esporte. Agora, após mais um título da Champions League, Ronaldo deve deixar o Real e ir para outro time. Só resta saber se por não jogar o Mundial de clubes e o campeonato espanhol no maior time do planeta, que o levaram ao topo, ele continuará ganhando tão bem como ganhou nos últimos anos.

4. Conor McGregor
U$ 99 Milhões
MMA (BOXE)
O UFC tem crescido muito nos últimos anos e está pagando cada vez mais aos lutadores, mas não é suficiente para estar na lista dos mais bem pagos do esporte. Talvez por esse motivo Conor McGregor resolveu interromper sua carreira no MMA e migrou para o tradicional e clássico boxe. Ele acabou fazendo uma luta muito boa contra Floyd Mayweather Jr., mas saiu derrotado do ringue porque não estava na sua "praia". Perdeu na porrada, mas ganhou no bolso. Alguns milhões que talvez não conseguisse em toda sua carreira vindo em apenas uma luta, incrível!

5. Neymar
U$ 90 Milhões
FUTEBOL
O Brasil está na lista dos mais bem pagos do mundo com o jogador Neymar. Ele saiu do Barcelona para o PSG na transação mais cara da história do futebol. Era mais do que natural que o seu salário aumentasse para que ele pudesse desfazer a parceria com Messi e trilhar seu próprio caminho como uma grande estrela do futebol. Desde que foi para a Europa Neymar começou a ganhar cada vez mais dinheiro. Em 2014 já aparecia na décima primeira posição. Em 2015 caiu para vigésimo terceiro e em 2016 foi vigésimo primeiro. Neste ano ele finalmente chega no top 10 pulando direto para a quinta posição.

6. LeBron James
U$ 85.5 Milhões
BASQUETE
O astro da NBA LeBron James já viveu dias melhores tanto no basquete como na lista dos mais bem pagos. O jogador que é considerado um dos maiores nomes da liga americana ficou mais uma vez sem o título de campeão no ano passado, mas este ano está mostrando todo o seu talento e carregando o Cleveland Cavaliers praticamente sozinho até a decisão mais uma vez. Depois de uma sétima colocação em 2012 LeBron James aparece sempre em quarto, terceiro, segundo no ano passado e no máximo o sexto lugar que ocupa pela segundo vez nos últimos anos. Com a aposentadoria de Kobe Bryant, James se tornou sempre o mais bem pago da NBA.

7. Roger Federer
U$ 77.2 Milhões
TÊNIS
O tenista suiço roger Federer segue surpreendendo mesmo ficando cada vez mais velho. Ele já foi dado como acabado, mas no último ano alcançou a façanha de ganhar mais dois títulos de Grand Slam. Até onde o suíço pode ir na carreira ninguém sabe, mas na lista dos atletas mais bem pagos ele é quase sempre um nome certo no top 10. Em 2012, no auge, apareceu em quarto lugar, em 2013 foi sexto, no ano seguinte oitavo logo atrás de Rafael Nadal, em 2015 voltou a subir e ficou em quinto, indo mais um degrau acima em 2016. No ano passado manteve o quarto lugar e sonha em ainda figurar entre os dez no ano que vem.

8. Stephen Curry
U$ 76.9 Milhões
BASQUETE
O Golden State Warriors ganha tudo na NBA nos últimos anos e naturalmente seus jogadores também merecem ganhar o equivalente em dinheiro. Stephen Curry era a maior estrela do time até a chegada de Kevin Durant, mas mesmo antes do companheiro chegar para ajudar ele nunca ocupou uma posição de grande destaque na lista dos mais bem pagos. No ano passado chegou a ser o oitavo colocado, mas ainda estava atrás de Kevin. Agora, com mais uma anel de campeão no dedo, ele manteve a oitava colocação, porém superando o amigo e voltando a ser talvez o grande astro time, pelo menos em números financeiros.

9. Matt Ryan
U$ 67.3 Milhões
FUTEBOL AMERICANO
Os dois últimos nomes da lista entre os dez primeiros desse ano nunca apareceram no top 10 antes, mas o futebol americano geralmente conta com um representante diferente a cada ano que passa. Drew Brees chegou a ser quarto colocado em 2013, Aaron Rodgers foi sexto em 2014, Cam Newton apareceu em sétimo no ano de 2016 e no ano passado foi a vez de Andrew Luck representar a bola oval com a sexta colocação. Todos eles são quarterbacks, assim como Matt Ryan que defende o Atlanta Falcons desde 2008. Ele nunca foi campeão, mas mereceu o reconhecimento financeiro.

10. Matthew Stafford
U$ 59.5 Milhões
FUTEBOL AMERICANO
Desde 2012 esta é a primeira vez que o Futebol Americano conta com dois representantes entre os dez maiores salários do esporte. O que surpreende ainda mais é que nenhum dos dois é uma estrela badalada como Tom Brady ou sequer tenham chegado ao Super Bowl e sido campeões. O caso de Matthew Stafford é ainda pior, ele foi draftado como primeira escolha no draft de 2009 pelo Detroit Lions, mas até agora ainda não conseguiu conduzir a equipe até onde eles talvez imaginassem que pudessem chegar um dia. Quem sabe agora que está ganhando mais as coisas mudem.

Por dois milhões de diferença Kevin Durant amargou a décima primeira posição. Em seguida vem Lewis Hamilton que já viu a Fórmula 1 viver dias melhores e colocar até mais de um representante no top 10. Canelo Alvarez prova como o boxe paga bem até mesmo para desconhecidos ocupando a décima quinta colocação. Ele é seguido por Tiger Woods que por muitos anos já foi o primeiro e quase sempre aparecia entre os dez primeiros. Rafael Nadal é uma surpresa negativa caindo para o vigésimo lugar. Depois de Messi, Cristiano Ronaldo e Neymar, o próximo representante do futebol surge apenas em trigésimo quinto com Gareth Bale. O atletismo está representado por Usain Bolt na quadragésima quinta posição, porém o atleta jamaicano se aposentou das pistas para tentar ser jogador de futebol. Na posição 56 temos mais um brasileiro, o jogador de futebol Oscar que atualmente defende o time do Shangai da China.

0 comentários: